Rondônia, quinta-feira, 30 de março de 2017
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Terça, 15 de Janeiro de 2008 - 12h32

BANZEIROS - Onde se comenta o que foi e o que não foi notícia

José Carlos Sá


ABISMALUsando uma expressão do professor Said Zeitug, de Riberalta, Bolívia, os preços pedidos por aluguéis de imóveis em Porto Velho estão numa distância “abismal” da realidade. Sabem o que vai acontecer? Vai ficar tudo encalhado. Usura é pecado.

++++
BOM SENSO

Não sei quem colocou e quem retirou. Mas foi uma atitude de bom senso. Havia duas placas de “tráfego proibido a bicicletas’, instaladas na Avenida Migrantes com Rio Madeira e na Rio Madeira com Tiradentes. Hoje não estavam mais lá. Não quero crer que tenham sido furtadas para serem expostas em um museu do "absurdo”! Explico ao leitor que ainda não se situou geograficamente: Você vai pedalando sua bicicleta por mil metros, ao fim dos quais aparece uma placa dizendo que o trecho é proibido à magrelas. E aí, o que você faz, volta a pé empurrando o camelo?

++++
AI, AI

O Ministério Público Estadual distribui release à Imprensa informando que enviou recomendações sobre empréstimos consignados em folha de pagamento a aposentados. Tenho certeza que todos, ao lerem o texto, ficarão iguais a mim: boquiabertos e pasmos – olhe que estudei 12 anos, sem contar as repetências. Não entendi bulhufas de nada

++++
REFORMA

Lamento informar a todos que a este lerem ou tomarem conhecimento que a atual reforma por que passa o Palácio “Presidente Vargas”, sede virtual do Governo Estadual, não é a primeira que sofre o prédio construído há mais de 50 anos. E as reformas anteriores não foram só de pintura e divisão de salas.

++++
DUPLICAÇÃO

Gostaria de estar escrevendo aqui hoje: “Está marcada a data da entrega da duplicação da BR-364 Candeias – UNIR à população”. Mas não posso. As obras não recomeçaram até hoje. Tem nariz crescendo aí e não é do Pinoccio.

++++
HUMOR NEGRO

Minha mãe comunicou-me que fará, na próxima semana, uma cirurgia de catarata. Leso como sou, comecei a pensar em como rebater os argumentos dos ambientalistas para justificar a necessidade da operação... Afinal, catarata é assunto de meio ambiente. Ou não é?

++++
HEIN?

O colunista JVasquez pensou, mas não escreveu. Já o César Maia, em seu ex-blog, perguntou na lata: “Em que condições a deputada Clara Rojas - refém do grupo narco-guerrilheiro FARC - ficou grávida? A imprensa colombiana não pergunta. Ela só trata do assunto em relação ao parto e a separação de seu bebê, como na coletiva de sexta-feira. Teria sido obrigada por constrangimento grave? Seria síndrome de Estocolmo?”

++++
QUEM LÊ TANTA NOTÍCIA?

Vi hoje um entregador que levava dois fardos de jornais na garupa da moto e um outro sobre o tanque. Era tanto jornal que o pacote ia até a altura do seu queixo. Fiquei imaginando se ele perdesse o equilíbrio, por qualquer motivo, ia ser manchete para todo lado.

++++
ASSENTAMENTO

Enquanto “seu lobo não vem”, a invasão dos terrenos da Prefeitura e da União, entre a estrada do Santo Antônio e a Vila Candelária, já está sendo chamada de “assentamento”. Segundo um vizinho, há até uma casa de forró - ninguém é de ferro - e umas “tilangas” para matar o tédio.

++++
GOLPE

O Estadão do Norte de domingo diz que várias pessoas caíram no golpe do carro, no caso um Gol Flex quatro portas. O golpe tem origem nos presídios e serve para captar créditos de celulares pré-pagos para golpes futuros. Recebi uma mensagem destas, oferecendo um Fox Cross, zero quilômetro, pelo menor lance acima de R$ 0,01. Como nunca caiu nada de graça no meu colo e o pouco que tenho foi adquirido com muito sacrifício, deletei a mensagem, mesmo sem saber que era golpe.

++++
PSICOLÓGICO

Tem razão o economista e ex-mago da economia brasileira, Delfim Neto, quando diz que o desenvolvimento é mais um estado de espírito do que outra coisa qualquer e cita o PAC como exemplo. Nada foi feito, mas o brasileiro acreditou e vive na expectativa de novos tempos. Regionalizando a questão: as Usinas do Madeira também não passam de promessa, nem tem ainda projetos definitivos e já estão mudando o perfil de Porto Velho e do Estado de Rondônia.

++++
TRILHA – DISCO 2

A música que nos embala e inspira hoje é "O Meu Amor”, do Chico Buarque. Há muito não a ouvia.

++++
MÁXIMA

Seguindo a regra de que “de graça até injeção”, tem gente entrando na fila duas vezes para se vacinar contra a febre amarela, talvez, daí, a explicação para o remédio acabar rapidamente nos postos de saúde...

++++
E VAMOS NÓS

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Todos os direitos reservados. As notícias veiculadas nos blogs, colunas e artigos são de inteira responsabilidade dos autores.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions