Rondônia, terça-feira, 24 de outubro de 2017
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Quinta, 16 de Abril de 2009 - 15h47

Amorim cobra de Lula “as alternativas” para tirar Cujubim da miséria

Assessoria


A intervenção do presidente Lula e de seus ministros foi cobrada hoje, no plenário da Câmara, pelo deputado federal Ernandes Amorim (PTB), para reverter “o estado de calamidade pública” que se encontra o município de Cujubim, “com pessoas passando fome e pedindo esmolas”, em decorrência de ações permanentes e continuadas na região por uma força tarefa de mais de 120 agentes – PF, Força Nacional e Ibama – designada pelo Ministério do Meio Ambiente.De acordo com o parlamentar, os moradores de Cujubim tem atendimento precário à saúde, educação, pois os recursos destinados ao município, através de emendas, foram contigenciados pelo governo federal por conta dos reflexos da crise mundial; o êxodo é outra constante, muitos trabalhadores abandonando casa e patrimônio; a economia “uma quebradeira geral”; não se pode produzir nada na localidade, em função de medo da ação policial da força tarefa, que de início a presença seria para evitar desmatamento, mas, segundo Amorim, tem amedrontado os trabalhadores rurais.

“Cujubim vive o caos. Esses agentes bem pagos, que passam o dia sem ter o que fazer por lá, poderia prestar algum serviço à comunidade. O município vive sob forte aparato policial, com avião, helicóptero e carros à disposição. Um gasto vultoso para único resultado esse caos social. Cadê a contrapartida prometida pelo governo federal? Tem-se alegado constantemente na mídia que alternativas seriam apresentadas e efetivadas para a população onde há ações contra o desmatamento. Nada foi feito. Os trabalhadores estão à mercê da sorte. Nenhuma alternativa foi dada ou oferecida até agora: estão a morrer à míngua”, reclamou o parlamentar.

Esse quadro de miséria vivido por Cujubim tem sido pinçado periodicamente por Amorim em seus discursos na Câmara, como tentativa de reverter o quadro e mostrar ao governo que as políticas públicas “pensadas em gabinete” e “levadas a efeito apenas da mídia” tem prejudicado toda uma população que carece de investimentos em todos os setores. “A administração teve seu repasse de FPM (Fundo de Participação dos Municípios) reduzido em quase 50% nos primeiros meses desse ano, as emendas direcionadas para lá estão contigenciadas, o município está quebrado faltando apenas decretar estado de calamidade ou de miséria absoluta”, disse o deputado.

Após repercussão do discurso, contou Amorim, um assessor do Palácio do Planalto foi designado ao seu gabinete, para tratar a respeito da liberação de uma emenda de R$ 500 mil, destinada pelo parlamentar para a saúde em Cujubim. “Mas é pouco. Precisa das compensações e essas tão faladas, mas nunca vistas, políticas alternativas para os produtores. Estamos todos a espera”.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions