Rondônia, sábado, 23 de setembro de 2017
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Terça, 10 de Março de 2009 - 14h47

Para Amorim, visita de Lula servirá para se cobrar pendências de Rondônia

Assessoria


A visita do presidente Luís Inácio Lula da Silva a Porto Velho, na quinta-feira (12), deve ser revestida de cobrança de rumo em relação ao Estado, de todas as bancadas parlamentares – estadual e federal -, representantes de todos os segmentos empresariais, sociais, e sindicais, lideradas pelo governador do Estado, Ivo Cassol (sem partido). A sugestão foi dada hoje (10), em Brasília, pelo deputado federal Ernandes Amorim (PTB), em discurso na tribuna da Câmara.Segundo ele, compete ao governador – representante maior do estado – aglutinar todas essas forças para cobrar uma definição do presidente Lula, quanto a aplicações de ações que representem as demandas do povo de Rondônia. Exemplos: fim da novela da transposição dos servidores públicos contratados no período de transição de ex-território para Estado, para a folha da União, há uma PEC tramitando no Congresso, mas falta aval do Governo Federal; construção do gasoduto de Urucu (AM) até Porto Velho, os estudos são favoráveis, mas o governo tem emperrado a obra e prejudicado Rondônia com uma planta geradora de energia a base de óleo diesel, poluente, em detrimento da queima do gás natural produzido pela Petrobras.
“Em Rondônia está sendo construído o maior complexo energético do país, as usinas no rio Madeira, mas para viabilizar o parque de outros estados. Não se tem uma saída para a PEC da Transposição, para o gasoduto, regularização fundiária e assentamentos de famílias há mais de 16 anos esperando um pedaço de terra, itens principais da pauta gerada em demandas de nossa população. E o que presidente Lula vai fazer nessa visita? Visitar canteiro de obra da usina e distribuir escrituras de terrenos na Capital, que por falta de regularização, ainda são discutidos na Justiça o valor desses documentos. Temos que aproveitar a oportunidade para cobrar ações. Afinal o que pode e o que não pode ser feito em Rondônia, um estado que tem feito 80% de seu dever de casa na questão ambiental, mas que vive sob o terror da metralhadora a mando de ministros. O Governo federal precisa se inserir em nossa realidade: pode e deve ajudar ou vai continuar empurrando a coisa com a barriga? Portanto, sugiro cobranças”, disse Amorim.
O parlamentar lembra que a expectativa é grande para que se acene com mudanças de rumo em favor do Estado, nessa segunda visita de Lula, desde que assumiu o poder. Na primeira visita “relâmpago”, Lula visitou apenas um projeto de assentamento no interior, ainda em seu primeiro mandato. “É uma oportunidade que todos devemos utilizar para cobrar a execução das demandas de nossa população. Cremos na sensibilidade, mas esperamos ações concretas, embora tardia, pois não podemos viver apenas de esperança”, afirma o deputado.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions