Rondoniagora.com

Rondônia, 26 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Cidades

Delegado desmente ministro e diz que nenhum suspeito de matar caminhoneiro foi preso

Quarta-feira, 30 Maio de 2018 - 21:10 | com Folha do Sul On Line


Delegado desmente ministro e diz que nenhum suspeito de matar caminhoneiro foi preso

Durante entrevista coletiva na noite desta quarta-feira (30), o delegado regional da Polícia Civil em Vilhena, Fábio Henrique Campos, negou que o suspeito da morte do caminhoneiro José Batistela tenha sido preso. Horas antes, o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann anunciou uma prisão.

Ele ainda esclareceu que as investigações sobre o crime estão a cargo da Civil, mas a PF e a PRF estão dando apoio. Disse também que os trabalhos estão no início e que ainda não há suspeitos.

O delegado disse que a Polícia espera contar com denúncias anônimas para chegar até a pessoa que jogou a pedra contra o caminhoneiro, levando-o à morte. Para isso, os números de emergência de três corporações foram divulgados: 190 (Polícia Militar), 197 (Polícia Civil) e 191 (PRF).

Ele ainda esclareceu que as investigações sobre o crime estão a cargo da Civil, mas a PF e a PRF estão dando apoio. Disse também que os trabalhos estão no início e que ainda não há suspeitos.

Para o delegado, um ato como o de hoje, cometido à luz do dia em uma rodovia federal, deve ter sido testemunhado por alguém. Os investigadores estão analisando indícios e já recolheram imagens de câmeras de segurança instaladas nas proximidades do local do fato. Os vídeos podem ter registrado o momento do ataque e identificado o autor.

A autoridade garante quem tiver informações pode denunciar sem medo, pois os números disponibilizados para isso garantem total sigilo.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News