Rondônia, domingo, 20 de janeiro de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Cidades

Publicado em Quarta, 13 de Abril de 2016 - 13h27

Empresária investe em brechó de luxo para driblar a crise

Flávia Rosane


Em Vilhena, empresária investe em brechó e expande negócio em apenas 24 meses de existência

A palavra mais atual nos últimos meses é crise. A situação delicada por qual passa o Brasil é pauta de emissoras de televisão, rádio e jornal. É assunto que não se esgota nas redes sociais e consome até os bons papos em roda de amigos. Mas, estudiosos apontam que é justamente quando o cinto aperta que surgem os empreendedores individuais, pessoas que nadam contra a corrente para vencer a força da recessão. Esses empreendedores buscam saídas criativas, opções que de baixo custo e com lucro certo.  

Para a empresária de Vilhena, Lana Santos, a inspiração veio do guarda-roupas. O móvel não a levou ao mundo mágico de Nárnia, mas lhe estendeu uma saída para aumentar a renda. Há dois anos, Lana resolveu se desapegar de algumas peças, em excelente estado de conservação, mas sem utilidade para ela. Nasceu a partir daí Reuse Outlet e Brechó.

A empresária conta que tudo começou na sala de casa. “Separei todas as peças que queria desapegar. Totalizou cerca de 100 peças a princípio. Sempre tive foco na palavra reaproveitamento, o que não serve mais (e está bom estado) pode perfeitamente agradar a outro. Fiz a divulgação no Facebook de algumas peças e marquei o horário que começaria as vendas. Foi um sucesso total. Antes do horário previsto já havia mulheres no meu portão”, relembra entusiasmada.

O Novo empreendimento que começou de forma organizada e simples foi tomando proporções enormes. “Eu não queria vender as peças de qualquer maneira como via nas redes sociais. Então resolvi comprar um manequim, pois desta forma podia apresentar melhor cada peça que seria vendida. Vendi tudo em uma semana. Nosso lema é praticar a moda sustentável, o barato é ser fashion usando a inteligência no consumo colaborativo”, diz a empresária, acrescentando que “as amigas amaram a ideia. Foram pedindo que eu vendesse algumas peças que elas também estavam desapegando. Quando percebi algumas traziam malas e malas de roupas, calçados e tudo mais, tive que alugar um novo local porque precisávamos expandir a loja. As clientes não tinham mais espaço”.

A administradora da Reuse Outlet e Brechó, conta que no início havia muito preconceito. “Antes as pessoas tinham vergonha de vir a Reuse ou falar que tal peça era daqui. Agora já recebemos pessoas de vários níveis sociais. Elas foram percebendo que trabalhávamos diferente, prezamos pelo bem-estar, limpeza do ambiente, peças de alta qualidade e preços acessíveis”, destacou.

O empreendimento acertou o caminho para o sucesso e vem aumentando a carta de clientes semana após semana. Pela segunda vez na Reuse, a vilhenense Elizer Rocha confidenciou que havia procurado roupas de qualidade para a neta em várias lojas da cidade. “Resolvi passar por aqui. Para minha surpresa, achei cinco vestidos para minha neta Eduarda. Hoje voltei com minha outra neta, Amanda, que comprou um vestido para usar no Culto Ecumênico da formatura. Apaixonei”, disse a elegante Elizer.

A Reuse Outlet e Brechó expandiu em menos de 24 meses de existência. Hoje, vende roupas, sapatos, bolsas, objetos de casa, móveis, kit de bebê conforto, de tudo um pouco. O foco é sempre o reaproveitamento e consumo consciente. Diversas lojas da cidade de Vilhena, e da região, se tornaram parceiras da Reuse. “Recebemos peças de marcas conhecidas como: Arezzo, Schutz, Ellus, Cantão, Fórum, Gazzy, Calvin Klein, Levis, Santa Lola, Erre Erre, Carmen Steffens, Infantil: Bibi, Momi, Petit Cherie e muitas outras”, diz a empresária.

As peças usadas são avaliadas, analisadas e higienizadas, antes de serem colocadas à venda.

A expansão dos outlets e brechós

A demanda por roupas com preços mais acessíveis fez o ramo de outlets e brechós ter um salto no Brasil. Os últimos dados do Serviço Brasileiro de Apoio ás Micro e pequenas Empresas (Sebrae) mostram que as micro e pequenas empresas que comercializam artigos usados cresceram 210% em cinco anos.

Outlet é o nome dado ao mercado de vendas no varejo, no qual os produtores ou indústrias vendem seus produtos diretamente ao público, geralmente com preço inferior ao que é oferecido nas lojas de departamentos. O nome outlet em inglês significa saída, passagem, escoadouro e mercado.

Nos outlets e brechós os consumidores têm a possibilidade de adquirir objetos de marcas famosas, grifes de luxo, a preços que geralmente não são encontrados nas lojas. São mais conhecidos na Europa e nos Estados Unidos, mas aos poucos têm começado a se expandir no Brasil.


(Disponível em https://www.rondoniagora.com/cidades/empresaria-investe-em-brecho-de-luxo-para-driblar-a-crise)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions