Rondônia, terça-feira, 20 de agosto de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Cidades

Publicado em Quarta, 15 de Junho de 2016 - 19h23

Moradores sofrem com lixo em estradas rurais

Da Redacao


A Prefeitura de Porto Velho, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura (Semagric), vem realizando um verdadeiro mutirão de revitalização das estradas vicinais. Mas o serviço, que traz grandes benefícios à população rural, perde-se em pouco tempo, devido ao descarte irregular de lixo. Em algumas estradas do entorno da capital, fica nítido o triste contraste entre a natureza e a falta de conscientização do homem.


As Estradas 21 de Abril, 15 de Novembro (nas imediações da Estrada da Penal) e Areia Branca (setor Sul), por exemplo, de acordo com o secretário da Semagric, Leonel Bertolin, em menos de uma semana, após o maquinário da prefeitura ter passado limpando, encascalhando e alargando esses acessos importantes para o setor rural da capital, tiveram suas margens tomadas novamente pelo lixo. “Um absurdo e um desrespeito com a população rural da nossa cidade e com o meio ambiente. Estão transformando as margens das nossas estradas vicinais em depósitos de lixo”, relatou, acrescentando que na grande maioria das vezes não são os moradores do local que jogam o lixo, mas principalmente pessoas de outros lugares e que tentam encontrar um jeito mais prático para se livrar de dejetos sem ter que arcar com suas responsabilidades ambientais.


Ainda segundo Leonel, quem mora, trabalha ou frequenta o meio rural está tendo que conviver com o mau cheiro e fica exposto a doenças. “Os acostamentos estão sendo transformados em depósitos de todo o tipo de material inservível. É possível encontrar de entulhos a móveis e eletrodomésticos velhos. Muitos acabam jogando até mesmo animais mortos. Uma enorme quantidade de lixo que está sendo depositada de maneira totalmente irregular e que atrai vetores de doenças”, observou.


Leonel Bertolin destacou o esforço do Município, que por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Sema), vem tentando identificar os “sujões” e penalizá-los. “Mas é uma tarefa difícil, pois as pessoas que fazem esse trabalho deplorável, e ainda mais aquelas que já adquiriram o hábito de jogar lixo às margens de estradas se escondem na cortina da obscuridade, fazem à noite, escondidos, quando ninguém tá olhando. O município não tem condição de ficar 'em campana' esperando esse tipo de crime acontecer. Por isso pedimos a ajuda, tanto daqueles que estão na contramão dos serviços de melhorias para que não façam mais isso, como para àqueles que virem acontecer, que denunciem”, enfatizou Leonel.


O secretário observou também que basta uma pessoa jogar um saco de lixo que, em pouco tempo, o volume de entulho aumenta absurdamente. “Cada um tem que fazer sua parte, adotar comportamento mais responsável. Cuidar e zelar pela nossa cidade. E isso vale para toda ela. Estamos destacando o que está acontecendo na zona rural e setor chacareiro, mas o alerta é para todo tipo de descarte irregular. É preciso que a população saiba que existe todo um investimento com maquinário, combustível e pessoal para realizar esses serviços de limpeza das estradas. E quando se joga os resíduos nas estradas, todo um tempo e dinheiro público estão sendo desperdiçados. Pois a secretaria vai ter que voltar ao local para refazer o trabalho, o que poderia estar já trabalhando em outras regiões da cidade e levando mais benefícios à população”, frisou o secretário.


Crime


Quem despeja lixo ou entulho em via pública comete contravenção penal prevista no artigo 54 da Lei 9.605/98, com pena prevista de reclusão, de 1 a 4 anos, e multa.


(Disponível em https://www.rondoniagora.com/cidades/moradores-sofrem-com-lixo-em-estradas-rurais)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions