Rondônia, sábado, 20 de julho de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Cidades

Publicado em Quinta, 17 de Janeiro de 2013 - 14h28

Previsão de cheia histórica do Rio Machado

Central Rondônia


O Rio Machado que divide o município de Ji-Paraná em dois distritos corre sério risco de registrar uma das maiores cheias dos últimos anos. A expectativa é do responsável pela medição do nível diário, Lucenir Saldanha. Ontem, o comandante do 2º Grupamento de Bombeiros Militar (2º GBM) e presidente da Defesa Civil local tenente BM, Luiz Eduardo informou que deverá reunir, nos próximos dias, os órgãos ligados ao setor para a elaboração do plano de ação, em caso de necessidades. O nível normal do Machado é de 6,28cm, e nesta terça-feira já registrava 9,20cm.

Trabalhando há mais de 10 anos na medição diária do nível do Rio Machado, Lucenir Saldanha informou ao Diário que este ano as chuvas estão bastante intensificadas. Segundo ele, em 2012 o nível do Machado não ultrapassou a marca considerada de risco que é de 11 metros, mais quando ultrapassa este nível muitas famílias dos bairros considerados baixos, são obrigadas a deixar suas casas e procurar abrigos com parentes ou em local designado pela Defesa Civil. “Se continuar chovendo com a intensidade dos últimos dias, certamente, teremos muitos problemas com a cheia do Machado”, alertou Luceni Saldanha.

Bombeiros

Por telefone o comandante do Corpo de Bombeiros de Ji-Paraná e presidente da Defesa Civil tenente BM, Luiz Eduardo informou que a corporação está pronta, em caso de necessidade, entrar em ação a qualquer momento. Segundo ele atualmente o 2º GBM conta com 68 bombeiros, e se preciso for o contingente pode contar com reforços de cidades da região central do Estado como, Machadinho e Ouro Preto D’Oeste. Ele informou ainda que nos próximos dias uma reunião com a presença de representantes de órgãos públicos do município, deverá ser marcada com objetivo de se elaborar um planejamento operacional. “Ainda não tivemos contato com a nova administração. Esperamos que seja o mais breve possível que possamos continuar trabalhando na mesma harmonia que tivemos com a gestão anterior”, declarou.

Cabeceiras

Luiz Eduardo declarou ainda que em contato com as corporações das cidades de Vilhena, Pimenta Bueno e Cacoal tomou conhecimento que as chuvas nessa região estão quase sendo diária. “Isso nos preocupa bastante. É justamente esse volume de água que chega à nossa cidade causando a elevação do nível do Rio Machado e consequentemente atingindo as regiões baixas do município”, concluiu. A elevação do Rio Machado atualmente registra entre 20 e 25cm.

(Disponível em https://www.rondoniagora.com/cidades/previsao-de-cheia-historica-do-rio-machado)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions