Rondônia, terça-feira, 22 de setembro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Cidades

Publicado em Terça, 17 de Janeiro de 2017 - 08h00

Rondonienses devem se vacinar contra febre amarela pelo menos 15 dias antes de viajar

da Redação


Rondonienses devem se vacinar contra febre amarela pelo menos 15 dias antes de viajar

O risco de uma pessoa que mora em Rondônia que esteja em viagem pelos estados afetados com surto de febre amarela, e não esteja imunizado, contrair a doença existe, embora seja pequeno. Todavia, há sempre a preocupação com as pessoas que não estão imunizadas adoecerem e trazer a doença para o estado.


A febre amarela em Rondônia não preocupa os gestores da saúde pública, tendo em vista que a vacina está na rotina dos postos de saúde. As salas de imunização dispõem de doses todos os dias. No estado, as crianças já começam a ser imunizadas a partir dos noves meses de idade e aos cinco anos tomam a segunda.

O que deixa as autoridades do setor da saúde pública um pouco mais tranquilas é que em Rondônia e nos demais estados do Norte do país à maioria das pessoas está imunizada, de maneira que o risco de transmissão se torna um pouco menor. Ainda assim, o medo de a doença se alastrar pelo país tem levado muita gente aos postos de saúde para atualizar o calendário de vacinação.

O enfermeiro Roberto Gibin, chefe do Departamento de Epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde em Ouro Preto do Oeste, ressalta que o mais prudente é que as pessoas que estão viajando para fora do estado chequem antes o seu cartão de vacina. “A orientação que a gente coloca, é que as pessoas que vão viajar, principalmente para o Espírito Santo e Minas Gerais, os estados que estão em alerta por causa da febre amarela, na dúvida procurem uma unidade básica de saúde e levem o cartão de vacina para verificar se já tomou as duas doses”, alerta Gibin.

O profissional lembra que a vacina deve ser tomada com antecedência porque ela precisa ser trabalhada pelo organismo e para absorver os efeitos e desenvolver a imunidade são necessários 15 dias. “A maior parte das pessoas hoje viaja de avião e por essa acessibilidade sai daqui pela manhã e a tarde já está em Vitória ou Belo Horizonte. Isso facilita de certa forma a transmissão da doença”, avalia.

A preocupação do Ministério da Saúde é com relação a esses casos que ocorreram em Minas e no Espírito Santo porque lá a vacina não está na sala de vacinas que é tratada apenas como um imunobiológico especial, e são imunizados somente pessoas que vão viajar para fora do país, ou que vêm para a região amazônica.

Em Ouro Preto a vacina contra a febre amarela está disponível todos os dias da semana em três locais diferentes: no Centro de Saúde Ouro Preto na área central da cidade, a vacinação ocorre na segunda e na quarta; no Centro de Saúde Carlos Chagas, que funciona provisoriamente no bairro Novo Horizonte, as terças e quintas e sexta-feira no Centro de Saúde Ana Nery, localizado no Jardim Aeroporto.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions