Rondônia, segunda-feira, 26 de agosto de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Cidades

Publicado em Quarta, 25 de Maio de 2016 - 13h59

TJ reafirma que policiais civis não podem atrapalhar Rondônia Rural Show

Da Redacao


O desembargador Alexandre Miguel, plantonista na 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Rondônia, negou pedido do Sindicato dos Servidores da Policia Civil (Sinsepol) e manteve proibição de manifestações violentas, com uso de aparelhos sonoros ou que atrapalhem o andamento de qualquer atividade da Rondônia Rural Show. Os policiais planejavam realizar grandes protestos no evento, realizado pelo Governo do Estado.

VEJA TAMBÉM

Policiais civis protestam na Rondônia Rural; PM acompanha

Justiça proíbe manifestação de policiais na 5ª Rondônia Rural Show

Setor produtivo repudia possível movimento da Polícia Civil na Rondônia Rural Show

PCCS de policiais segue tramitando na Assembleia

Polícia Civil pressiona Governo e aguarda proposta do PCCS

A vedação foi imposta inicialmente pelo juiz Edson Sassamato, da 3ª Vara Civil de Ji-Paraná, atendendo liminar em uma ação impetrada pela Associação Rural de Rondônia. Na decisão, o magistrado proíbe que o sindicato de realizar manifestações desordeiras, com exortação coletiva ou individual, com utilização de aparelhagem de som, corneta, apito ou qualquer outro instrumento que impeça a realização de palestras ou qualquer atividade na feira. Proíbe ainda o sindicato de realizar aglomeração de pessoas que impeçam a passagem ou fluxo de pessoas dentro da feira. Em caso de descumprimento da decisão é juiz estabelece multa de R$ 100 mil por hora. A Polícia Militar Ambiental deve fiscalizar e coibir qualquer tipo de manifestação realizada pelo Sinsepol.

Advogados do Sinsepol recorreram ao plantão judicial do segundo grau, mas na opinião do desembargador Alexandre Miguel a decisão não merece qualquer reparo. Ele avalia que não existe perigo de lesão aos direitos de manifestação, amparados pela Constituição Federal e lembra que, se há direito a manifestação, há o igual direito dos agravados (Associação e Governo) praticarem atividades regulares que não podem ser prejudicados. “A decisão recorrida, a meu sentir, encontra-se adequada e proporcional e não há razão jurídica para que neste momento seja alterada.”


(Disponível em https://www.rondoniagora.com/cidades/tj-reafirma-que-policiais-civis-nao-podem-atrapalhar-rondonia-rural-show)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions