Rondônia, 14 de julho de 2024
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Cenário Político

O alto custo político para ajudar o vereador Marcelo Reis a concorrer esse ano

Sábado, 23 Março de 2024 - 16:09 | Cenário Político


O alto custo político para ajudar o vereador Marcelo Reis a concorrer esse ano

A defesa do vereador Marcelo Reis tenta a todo custo aindar dar um jeito em sua inelegibilidade e nos últimos decidiu arriscar, judicialmente uma última cartada que, na realidade, deixa o prefeito Hildon Chaves em uma verdadeira sinuca de bico. Os advogados pediram para que o Município de Porto Velho opine sobre a possibilidade de um Acordo de Não Persecução Cível, no processo em que o vereador é acusado em um esquema de corrupção em 2008. Réu confesso, Marcelo pediu perdão e que não houvesse punição máxima, o que não foi atendido pelo Judiciário. Se o Município aceitar, Marcelo ficaria livre para concorrer nas eleições, mas o custo político pode ser grande e alto.

Relembrando o caso

Marcelo Reis e alguns amigos foram condenados pelo juízo da 1ª Vara Cível da Fazenda Pública de Porto Velho em uma ação de improbidade impetrada pelo MP, sobre direcionamento na contratação de uma empresa de publicidade. O vereador foi condenado ao ressarcimento integral de R$ 111.477,74, em valores da época, que deve ser atualizado, além do pagamento de multa civil de duas vezes o valor do dano causado; a suspensão dos direitos políticos por oito anos e proibição de contratar com o poder público por 8 anos.

O acordo

No acordo que só o beneficia, pede apenas para pagar o ressarcimento de R$ 111.477,74 e que seja mantida a proibição de contratar com o poder público.

Máximo na mesa de Bolsonaro

Diferente de alguns colegas políticos que enviaram felicitações através de redes sociais ao ex-presidente Bolsonaro, o deputado federal Fernando Máximo, ainda no União Brasil, foi comemorar o aniversário do líder do PL em Rio Branco. Máximo não esconde o desejo de disputar a Prefeitura de Porto Velho, mesmo obrigado a trocar o União Brasil pelo Partido Liberal.

Prestígio em alta

Fernando Máximo está com prestígio em alta. No encontro de prefeitos e vereadores, evento promovido anualmente pela Casa Civil do Governo de Rondônia, ele foi cumprimentado pela grande maioria dos presentes. Em determinado voo, entre Brasília e Rondônia, além de falar com todos, o deputado foi aplaudido pelos passageiros.

Frentão de partidos

Por outro lado, o PSDB, hoje comandado pelo prefeito Hildon Chaves, está construindo um frentão com candidatos a vereador com potencial nestas eleições. Trouxe para o ninho tucano o ex-presidente da Emdur, Thiago Tezzari, o atual superintendente dos Distritos, Welen Prestes, e o médico Lucas Donadon, filho da deputada estadual Rosângela Donadon.

Fica no Republicanos

Já a pré-candidata do prefeito, Mariana Carvalho, permanece no Republicanos. No próximo dia 28, ela participa de um evento da fundação do partido sobre marketing, plano de governo e legislação eleitoral em Porto Velho. Os sinais evidenciam cada vez mais que ela fica no Republicanos, o PSDB e União Brasil - pelo menos é o desejo da cúpula do Governo, brigam pela indicação do vice.

Internet não é terra de ninguém

Alguns desavisados andam espalhando vídeos de cunho ofensivo à família do ex-deputado Lindomar Garçom. Em uma dessas produções anônimas, a filha do ex-parlamentar tem sua honra maculada. Em um grupo de watts, ela pediu respeito a ela e sua mãe e irmã, e garante que não precisam jogar baixo porque ela não é candidata a nada. Para esses desavisados, a internet não é terra de ninguém e os autores serão levados às barras da Justiça.

Apagão

O deputado estadual Luizinho Goebel usou a tribuna da Assembleia Legislativa para denunciar o “apagão” na Saúde e Educação no Estado de Rondônia. Ele criticou a inércia do Governo e pediu mais eficiência dos gestores. Na Saúde, o Heuro não saiu do papel. Tentaram culpar a prefeitura por ter negado as licenças. Como não deu certo, agora a tática é jogar a culpa no consórcio vencedor da obra. Enquanto a mídia explora a briga, o povão continua lotando o Pronto Socorro João Paulo II, disputando leitos para não dormir nos corredores.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também