Rondônia, domingo, 8 de dezembro de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Eleições

Publicado em Sexta, 14 de Setembro de 2012 - 17h38

Candidato do PSOL vai a Maçonaria e aponta solução humanizada para problemas da capital

Assessoria


Aluízio Vidal e professor Marto recebem a placa da Glomaron das mãos do grão-mestre Juscelino Amaral
Apesar de ser considerada ainda uma cidade de pequeno porte, Porto Velho já tem regiões onde a sofisticação dos condomínios de luxo convive lado a lado com a miséria e a exclusão representada pelas moradias em palafitas às margens dos cursos d’água transformados em fétidos canais de esgotos. Esse é o caso, por exemplo, da região da rua Lauro Sodré, onde, próximo aos condomínios luxuosos que se erguem por ali, famílias residem às margens do Canal dos Tanques, convivendo com todo tipo de miséria moral e material.
Com essa exposição, o candidato a prefeito de Porto Velho pelo Partido do Socialismo e Liberdade (PSOL), Aluízio Vidal, demonstrou ter uma visão diferenciada sobre como se encaminhar as soluções dos problemas da cidade que pretende administrar. Sétimo candidato a prefeito de Porto Velho a expor suas propostas à Maçonaria, Aluízio Vidal foi ouvido nesta quinta-feira pela Grande Loja Maçônica do Estado de Rondônia (Glomaron) dentro da programação da Semana de Cidadania e Política que está sendo realizada desde o dia 4 deste mês e vai até o dia 18.
Dentro dessa programação, já apresentaram suas propostas e projetos para administrar Porto Velho os candidatos José Augusto (PMDB), dia 04-09; Mariana Carvalho (PSDB), dia 05-09; Waltério Rocha (PSTU) dia 06-09; Lindomar Garçom (PV), dia 10-09; Mário Sérgio (PMN), dia 11-09; Mário Português (PPS), dia 12; e Aluízio Vidal (PSOL), dia 13. A programação da Semana de Cidadania e Política da Glomaron prossegue na próxima segunda-feira, dia 17, quando será a vez de ouvir as propostas do candidato Mauro Nazif (PSB) e se encerra na terça-feira, dia 18, com a exposição das propostas e projetos da candidata Fátima Cleide (PT).
De acordo com o programa da Comissão de Política e Cidadania da Glomaron, cada candidato tem tempo de 50 minutos para fazer a exposição de seus projetos e planos de trabalhos e depois passa a responder perguntas formuladas pelos maçons.
De maneira bem clara, fala compassada e sem calhamaço de anotações, o candidato do PSOL iniciou sua exposição enaltecendo a iniciativa da Maçonaria e fazendo um agradecimento histórico em nome da congregação presbiteriana, da qual ele é pastor, por mútuas colaborações no período em que os primeiros presbiterianos aportaram ao Brasil.
Prosseguiu apresentando suas propostas de uma forma que coloca sempre a participação da sociedade a frente da busca de solução para os diversos problemas que a cidade enfrenta. “Sem a participação da população, não construiremos uma cidade efetivamente de todos. Engana-se quem afirma que a Prefeitura deve ser gerida como uma empresa, porque ela é um ente público e de atuação política”, acentuou o candidato.
Ele esclareceu que não há incompatibilidade entre as posições defendidas pelo PSOL e sua atuação como religioso e, ao responder a pergunta de um maçom sobre o porquê um homem simples como ele estava querendo adentrar ao hostil terreno da política, Aluízio Vidal respondeu calmamente que deseja ser diferente, não tem vergonha do que está propondo, porque não há nada de imoral, ilegal ou indecente, e encerrou citando o educador Paulo Freire. “Sou candidato porque gosto de esperançar e tenho esperança de que podemos viver em uma cidade melhor.
O candidato do PSOL falou sobre projetos para industrialização do município de Porto velho, ampliação do programa saúde da família e assistência aos distritos, tocou na questão do trânsito e do transporte coletivo, programas para o pós-usina, educação, esporte, cultura e lazer. Para todas as áreas, as propostas do candidato Aluízio Vidal são permeadas pela participação popular.
Ao entregar uma placa da Glomaron ao candidato e Aluízio Vidal e seu vice, o professor Marto, o grão-mestre Juscelino Moraes do Amaral explicou a finalidade da Semana de Política e Cidadania e desejou boa sorte aos candidatos. Juscelino lembrou que a programação da Comissão de Política e Cidadania prossegue na segunda e na terça-feira, quando serão Ouvidos Mauro Nazif (PSB) e Fátima Cleide (PT).

(Disponível em https://www.rondoniagora.com/eleicoes/candidato-do-psol-vai-a-maconaria-e-aponta-solucao-humanizada-para-problemas-da-capital)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions