Rondônia, terça-feira, 24 de abril de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Sexta, 12 de Setembro de 2008 - 15h36

Acredite: Com quase 40 graus, Rondônia terá nova friagem, diz Sipam

Sipam


Uma frente fria chegará nesta sexta-feira no sul da Amazônia mudando o tempo nos estados do Acre, Rondônia e Mato Grosso.Este sistema trará muitas nuvens para a região, produzindo pancadas de chuva e que serão acompanhados de ventos intensos, devido os movimentos convectivos produzidos pelo contraste de temperatura. As chuvas ainda são típicas do período do ano, podendo acumular volumes significativos em pontos isolados.

O aumento de nuvens e as chuvas que esta frente fria irá provocar poderão ser observados até sábado em quase todo o Mato Grosso, com exceção do leste e do nordeste, em Rondônia e no Acre.

Esta frente fria virá acompanhada de uma massa de ar frio, que conseguirá atingir a região sul da Amazônia no próximo fim de semana. Os modelos de previsão de tempo indicam que a friagem virá com intensidade significativa no sul do Mato Grosso e com menor intensidade de nas demais áreas deste Estado, em Rondônia e no Acre.

Veja como deverá ocorrer o décimo primeiro fenômeno de friagem nos três Estados:

RONDÔNIA

O evento começa a atuar a partir da tarde desta sexta-feira no Cone-Sul e no Vale do Guaporé, com mudança na direção do vento, além do aumento da intensidade do mesmo, e aumento da nebulosidade e das condições de chuva. As demais regiões do Estado, inclusive a capital, praticamente não sentirão o efeito desta friagem.

No sábado o vento frio do ar polar será mais intenso, deixando o dia bastante ventilado e ameno, principalmente no Cone-Sul e no Vale do Guaporé.

A temperatura mínima não irá cair de forma significativa no Estado. Mesmo assim, a noite mais fria provocada por este fenômeno ocorrerá na madrugada de sábado para domingo. Os termômetros irão variar de 17 a 19 em todo o interior rondoniense. Na capital, a temperatura mínima não deverá ficar menor que 20 graus. A queda mais significativa será observada com a temperatura máxima, que ocorre sempre no período da tarde. Em Guajará-Mirim, a máxima prevista para sábado é de 33 graus e no domingo não deverá ser maior que 30 graus. Em Vilhena, a máxima nesta sexta-feira pode ficar em torno de 30 graus, mas no sábado não deverá ser maior do que 25 graus. Em Corumbiara, a máxima fica nos 35 graus no sábado e no domingo em 27 graus. O centro do Estado não terá quedas significativas na temperatura máxima, devendo ficar próximo dos 32 graus ao longo deste fim de semana. Na capital, as máximas fiocarão em torno de 33 graus ao longo deste fim de semana.

A massa de ar polar entrará em aquecimento já na próxima segunda-feira. A partir daí as temperaturas voltam a subir. Com isso, o calor voltará na próxima semana durante a tarde, mas as noites seguirão bastante amenas, principalmente nas regiões do sul e do oeste do Estado.

MATO GROSSO

Praticamente todo o Mato Grosso, com exceção do nordeste, do extremo norte e do leste do Estado, será influenciado pelo fenômeno. O evento começa a atuar na tarde desta sexta-feira, com mudança na direção do vento, além do aumento da intensidade do mesmo, e aumento da nebulosidade e das condições de chuva. O calor diminui, principalmente, no sul do Estado e no Pantanal.

No sábado o vento frio do ar polar será mais intenso, deixando o dia bastante ventilado e ameno. A temperatura máxima não deverá ser maior do que 29 graus em Cuiabá, 27 graus no Pantanal, 25 graus e no oeste e entre 28 e 30 graus nas demais áreas do Estado que serão afetados pelo fenômeno da friagem. As temperaturas mais baixas do evento ocorrerão na madrugada de sábado para domingo nas regiões que serão atingidas pelo fenômeno. Os termômetros poderão registrar 18 graus em Cuiabá, 15 graus no Pantanal, entre 14 e 17 graus no oeste e entre 18 e 20 graus nas demais regiões do Estado.

A massa de ar polar entrará em aquecimento já na próxima segunda-feira. A partir daí as temperaturas voltam a subir. Com isso, o calor voltará na próxima semana durante a tarde, mas as noites seguirão bastante amenas, principalmente nas regiões do sul e do oeste do Estado.

ACRE

O evento começa a atuar a partir da noite desta sexta-feira, com mudança na direção do vento, além do aumento da intensidade do mesmo, e aumento da nebulosidade e das condições de chuva em todo o Estado. No entanto, não será observada queda na temperatura neste dia. Já no sábado o vento frio do ar polar será mais intenso e derrubará gradativamente a temperatura no Estado, principalmente na porção leste e sul, onde a queda será mais significativa. As primeiras horas da manhã já serão mais frias do que as do dia anterior e a tarde o calor será amenizado. A temperatura máxima no sábado ficará próxima dos 28 graus na porção leste e sul e dos 29 graus nas demais áreas do Estado. A temperatura mais baixa do evento ocorrerá nas madrugadas de sábado para domingo e de domingo para segunda-feira em todo o Estado. Os termômetros ficarão próximos dos 18 graus na porção leste e sul acreano e dos 19 graus nas demais regiões do Estado.

A massa de ar polar entrará em aquecimento já na próxima segunda-feira. A partir daí as temperaturas voltam a subir. Com isso, o calor voltará na próxima semana durante a tarde, mas as noites seguirão bastante amenas, principalmente nas regiões do sul e do leste do Estado.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions