Rondoniagora.com

Rondônia, 25 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Geral

Anuário aponta epidemiologista da Unir entre os três melhores do país

Segunda-feira, 10 Março de 2008 - 19:49 | assessoria


É da Universidade Federal de Rondônia (Unir) um dos três nomes apontados pelo anuário “Análise Saúde 2008 – Os mais Admirados da Medicina” como os epidemiologistas que mais contribuíram para o desenvolvimento científico da especialidade no país – a professora doutora Ana Lúcia Escobar. Diretora do Núcleo de Saúde (Nusau) da instituição e professora adjunta na área de Epidemiologia do curso de Medicina, Ana Escobar aparece na publicação na companhia dos doutores Luiz Alberto Amador Pereira, professor do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Universidade Católica de Santos (Unisantos), e Nelson Rodrigues dos Santos, professor da Universidade de Campinas (Unicamp).

O anuário, conforme seu editor, jornalista Eduardo Oinegue (ex-“Veja” e ex-“Exame”), teve como colégio eleitoral 2,7 mil médicos – entre diretores de hospitais, acadêmicos, representantes de associações de classe e de associações de especialistas, além dos chamados “notáveis” em suas áreas. Cada qual indicou até três nomes de profissionais a quem confiaria sua saúde, três nomes que contribuíram para o desenvolvimento científico da saúde e três centros médicos destacados pela excelência. Após terem sido apontados 3,6 mil nomes o ranking final foi obtido após cruzamento de pontuações e notas de corte seguindo critérios estatísticos.

Ao final, selecionou 2 mil profissionais da saúde de 38 áreas de atuação (da Anestesiologia à Urologia), cujos perfis apresenta, além de relacionar 107 estabelecimentos hospitalares em 25 especialidades (da Cardiologia à Urologia), entre os escolhidos pelos próprios médicos como os mais admirados do país.

O anuário, conforme seu editor, jornalista Eduardo Oinegue (ex-“Veja” e ex-“Exame”), teve como colégio eleitoral 2,7 mil médicos – entre diretores de hospitais, acadêmicos, representantes de associações de classe e de associações de especialistas, além dos chamados “notáveis” em suas áreas. Cada qual indicou até três nomes de profissionais a quem confiaria sua saúde, três nomes que contribuíram para o desenvolvimento científico da saúde e três centros médicos destacados pela excelência. Após terem sido apontados 3,6 mil nomes o ranking final foi obtido após cruzamento de pontuações e notas de corte seguindo critérios estatísticos.

Coordenadora da equipe responsável pela elaboração do projeto do curso de Medicina da Unir e líder do processo que resultou na sua instalação, Ana Lúcia Escobar possui, entre outras qualificações, graduação em Medicina pela Universidade de Passo Fundo (1983), especialização (1989), mestrado (1994) e doutorado (2001) em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz e residência-médica pela Unidade Sanitária Murialdo (1984). É diretora do Centro de Saúde Indígena (Cesir) e revisora dos Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ), da Revista de Saúde Pública/Journal of Public Health e da revista Epidemiologia e Serviços de Saúde. Tem experiência em Saúde Coletiva, com ênfase em Epidemiologia, atuando nas áreas de “Medicina Comunitária”, “Saúde Pública” e “Medicina Preventiva”.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News