Rondônia, segunda-feira, 19 de outubro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Terça, 26 de Janeiro de 2010 - 14h57

Casos de dengue aumentam e Governo do Estado intensifica ações

Assessoria


Considerando que apenas 11 dos 52 municípios de Rondônia cumpriram a meta de 2009 para visitas a imóveis com o objetivo de identificar e eliminar focos e/ou criadouros do mosquito Aedes Aegypti, o secretário estadual da Saúde, Milton Moreira, reforçou o pedido do governador Ivo Cassol para que todos intensifiquem suas ações com vistas à redução dos casos de dengue no Estado.

Porto Velho, por exemplo, que está no grupo de situação crítica realizou apenas 153.487 inspeções, o que corresponde a 18,85% do total de 814.188 programadas para 2009.

Casos de dengue aumentam mais de 2.000% em Rondônia

Os últimos dados da Agência de Vigilância Sanitária da Secretaria de Estado da Saúde (Agevisa/Sesau) referentes às duas primeiras semanas de 2010 confirmam que o Estado de Rondônia registra uma das maiores epidemias de dengue, com o aumento de casos em 2.182,6% na primeira semana e 1.164,3% na segunda, em relação ao mesmo período de 2009. Segundo a equipe técnica da Agevisa, na primeira semana de 2009 foram notificados 132 casos e 168 na segunda, enquanto que em 2010 foram 3.013 e 2.124, respectivamente.

Na avaliação da equipe, o esforço empreendido pela Sesau e municípios para o registro e envio regular das informações sobre a ocorrência de casos de dengue no Estado vem resultando no melhor acompanhamento dos números para a implementação das ações de combate à doença, em atenção à orientação do governador Ivo Cassol.

Em Porto Velho já foram notificados mais de 2 mil casos de dengue

No mês de janeiro, até o dia 21, foram notificados 5.306 em todo o Estado, dos quais 2.210 em Porto Velho (13,7% em menores de 15 anos), 417 em Rolim de Moura, 290 em Cacoal (26,6% em menores de 15 anos), 280 em Jaru (21,7% em menores de 15 anos), 270 em Presidente Médici, 242 em Buritis, 158 em Espigão do Oeste, 139 em São Francisco do Guaporé (30% em menores de 15 anos), 135 em Colorado do Oeste, 130 em Nova Brasilândia do Oeste, 121 em Vilhena e 115 em Ouro Preto do Oeste.

“O registro detalhado dos casos em cada município possibilitou a análise das características e distribuição da doença, municípios mais atingidos, faixa etária prevalente, ocorrência de casos graves e óbitos, além de avaliar o potencial de transmissão, a velocidade de progressão da doença, entre outros dados. Fato que levou a Agevisa a alterar a lista de municípios prioritários”, disse o gerente do Departamento de Epidemiologia da Agevisa, Marcos Ferreira, completando que uma comprovação da epidemia de dengue no Estado é a ocorrência de casos em Porto Velho, que nas duas primeiras semanas deste ano notificou 2.210 pessoas com a doença contra 2.263 notificadas até o momento em todo o ano de 2009.

Dengue hemorrágica

Com relação à dengue hemorrágica, foram notificados, até agora, sete casos, dos quais, cinco foram a óbito, um deles em Cacoal, um em Rolim de Moura e três no Centro de Medicina Tropical (Cemetron), de Porto Velho. Ainda há um caso em investigação em Mirante da Serra que, se confirmado, subirá para seis o número de óbitos notificados em todo o Estado neste mês.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions