Rondoniagora.com

Rondônia, 30 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Geral

DENIS BAÚ ASSUME A FIERO E DESTACA CRESCIMENTO SUSTENTADO

Sexta-feira, 30 Janeiro de 2009 - 10:37 | RONDONIAGORA.COM


DENIS BAÚ ASSUME A FIERO E DESTACA CRESCIMENTO SUSTENTADO
Em concorrida solenidade realizada na noite desta quinta-feira em Porto Velho, o empresário Dênis Roberto Baú foi empossado na presidência do Sistema Indústria de Rondônia para um mandato de 4 anos. O evento contou com a presença de grandes nomes do cenário industrial nacional, como o presidente da CNI, Armando Monteiro e Paulo Safady Simão, presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção, além de outras lideranças empresariais do país, locais, do governador Ivo Cassol, senador Expedito Júnior, deputados federais e estaduais. O desembargador Walter Waltemberg Júnior representou o Tribunal de Justiça.
No entendimento de Dênis Baú, o futuro do Estado depende do otimismo e determinação de seu próprio povo e da classe empresarial em continuar investindo e acreditando. E defendeu um estreitamento de relações ainda maior com o poder público. Ele fez um apelo ao governador Cassol. “Os empresários da industria, pela via da competência estão disponibilizando ao Estado uma solida base produtiva e de grande potencialidade na geração de emprego e renda, aptos, portanto, a ajudar de forma decisiva no salto qualitativo que os novos tempos estão projetando e esta força criativa que está disponível e preparada para participar do grande projeto de desenvolvimento estadual que vossa excelência lidera. Essa parceria passa pela discussão franca, transparente e respeitosa, principalmente com relação a política de desenvolvimento industrial”.

No final do discurso, o presidente da Fiero destaca que a recessão não irá atingir Rondônia. E citou exemplos claros que a crise não está no horizonte estadual. “O incremento da população economicamente ativa e por conseqüência a elevação dos níveis de insumo per capita, além da abundancia dos recursos naturais são alguns dos elementos que contribuem para configurar o escopo das inúmeras oportunidades de desenvolvimento com que conta a expansão da economia rondoniense, diferente de muitos outros estados”. Ele lembrou ainda a inauguração da Rodovia do Pacífico, no próximo ano, que alavancará a economia local com intercambio com países andinos e finalmente, destacou os vultuosos investimentos do Estado no setor industrial.

Para o novo presidente da FIERO, a indústria rondoniense tem conhecimento de que precisa estar sempre inovando e evoluindo, mas alerta para a qualificação. “A meu ver, nunca empresas e trabalhadores dependeram tanto de formação profissional. Atualmente, a força física já não garante mais a produção, o que importa são as idéias, o raciocínio e a capacidade de aprender”. Dênis Baú destacou ainda que como Estado novo, a demanda é grande em praticamente todas as áreas e pediu apoio da CNI para tentar minimizar as desigualdades regionais, para que o empresariado local não fique de fora da nova onda de prosperidade em Rondônia.
No entendimento de Dênis Baú, o futuro do Estado depende do otimismo e determinação de seu próprio povo e da classe empresarial em continuar investindo e acreditando. E defendeu um estreitamento de relações ainda maior com o poder público. Ele fez um apelo ao governador Cassol. “Os empresários da industria, pela via da competência estão disponibilizando ao Estado uma solida base produtiva e de grande potencialidade na geração de emprego e renda, aptos, portanto, a ajudar de forma decisiva no salto qualitativo que os novos tempos estão projetando e esta força criativa que está disponível e preparada para participar do grande projeto de desenvolvimento estadual que vossa excelência lidera. Essa parceria passa pela discussão franca, transparente e respeitosa, principalmente com relação a política de desenvolvimento industrial”.

No final do discurso, o presidente da Fiero destaca que a recessão não irá atingir Rondônia. E citou exemplos claros que a crise não está no horizonte estadual. “O incremento da população economicamente ativa e por conseqüência a elevação dos níveis de insumo per capita, além da abundancia dos recursos naturais são alguns dos elementos que contribuem para configurar o escopo das inúmeras oportunidades de desenvolvimento com que conta a expansão da economia rondoniense, diferente de muitos outros estados”. Ele lembrou ainda a inauguração da Rodovia do Pacífico, no próximo ano, que alavancará a economia local com intercambio com países andinos e finalmente, destacou os vultuosos investimentos do Estado no setor industrial.

Momento de crise é momento de prova, avalia Cassol

Em rápido pronunciamento, o governador Ivo Cassol concordou com as palavras de Dênis sobre o novo perfil empresarial no Estado e fez alertas para que esse processo não pare. E lançou um desafio para que o empresariado local assegure seu espaço no amplo plano de desenvolvimento rondoniense. “Muitos estão olhando de longe e vocês devem estar atentos e aproveitar as oportunidades que são criadas a cada dia. Esse momento de crise é na verdade um momento de prova para todos”. Cassol explica que o Governo do Estado esteve sempre presente nos últimos anos, ajudando na consolidação e desenvolvimento de Rondônia e que se depender de sua gestão, a parceria será duradoura. Mas advertiu que sua gestão faz cobranças para assegurar que todas as obras sejam iniciadas, executadas e concluídas.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News