Rondoniagora.com

Rondônia, 01 de Outubro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Geral

Estudantes de Rondônia conhecem funcionamento do CNJ

Quinta-feira, 30 Outubro de 2008 - 16:19 | CNJ


Pela primeira vez, desde que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) foi criado, em 2005, estudantes de direito são recepcionados oficialmente por um conselheiro e assistem palestra sobre a competência e o trabalho realizado pelo Conselho. A visita ocorreu nesta quinta-feira (30/10) e o conselheiro Marcelo Nobre foi o responsável em receber os 33 universitários da Faculdade de Ciências Humanas e Exatas de Rondônia (FARO), das Faculdades Associadas de Ariquemes (FAAR) e da Universidade Federal de Rondônia (Unir) que vieram à Brasília especialmente para conhecer “in loco” o Poder Judiciário. Essa é a primeira visita que os estudantes de Rondônia fazem a Brasília.

A novidade de agendar visitas com palestras ao Conselho foi implantada pela Assessoria de Comunicação Social e Cerimonial do CNJ a partir da necessidade de melhor atender a grande demanda de pedidos e explicar o funcionamento do CNJ. Em visitas anteriores, houve inúmeros questionamentos de estudantes sobre o CNJ, antes das palestras serem programadas.

Para o estudante de direito da FARO, Arthur Bancalari, “esse projeto está sendo um divisor de águas e importante para aprendermos o alcance jurisdicional do CNJ”, opinião compartilhada também pela estudante Eliel Leni Mestriner Barbosa. “A partir dessa visita, tenho outra visão do CNJ”.

A novidade de agendar visitas com palestras ao Conselho foi implantada pela Assessoria de Comunicação Social e Cerimonial do CNJ a partir da necessidade de melhor atender a grande demanda de pedidos e explicar o funcionamento do CNJ. Em visitas anteriores, houve inúmeros questionamentos de estudantes sobre o CNJ, antes das palestras serem programadas.

Para o conselheiro Marcelo Nobre foi uma experiência rica para os dois lados. “Gostei muito de receber os estudantes de Rondônia e responder aos questionamentos deles quanto ao trabalho e funcionamento do CNJ que sempre esteve aberto a essas iniciativas”. Durante a palestra, que foi realizada no plenário do Conselho e durou mais de uma hora, o conselheiro Marcelo Nobre explicou a competência do CNJ, o alcance das suas decisões, os tipos de processos que quinzenalmente são julgados pelo plenário e respondeu a várias perguntas feitas pelos universitários de Rondônia.

Até o final do ano, duas outras visitas de estudantes de Direito já estão previstas no Conselho Nacional de Justiça. No dia 14 de novembro, o CNJ receberá 44 universitários da, Faculdade de Minas Gerais (Famig) e no dia 3 de dezembro será a vez dos estudantes da Faculdade de Direito Unisalesiano de Araçatuba, de São Paulo.

Para agendar visitas com palestra no CNJ, basta ligar para a Coordenadoria de Comunicação Social e Cerimonial. O telefone é (61) 3217-48 9 2 ou enviar o pedido pelo e-mail: eventos@cnj.jus.br//
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News