Rondônia, 04 de Dezembro de 2022
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Geral

Expedição da USP doará mais de 200 próteses auditivas em Rondônia

Sábado, 09 Fevereiro de 2008 - 11:07 | Jornal da Cidade


Na primeira “Expedição Rondônia” promovida pela Universidade de São Paulo (USP) neste ano, pesquisadores das áreas de odontologia e fonoaudiologia levarão na bagagem cursos de capacitação e atendimento à população da região de Monte Negro, interior de Rondônia. Além dos procedimentos clínicos e orientação voltada para a saúde coletiva, serão doados mais de 100 aparelhos auditivos e 130 próteses dentárias aos pacientes do projeto.



O novo laboratório terá o nome de José Valdes Conti, uma das maiores autoridades brasileiras na área da prótese dentária. Monte Negro é um município do interior de Rondônia com aproximadamente 17 mil habitantes. Lá, a USP possui um núcleo avançado de pesquisas de ponta na área de doenças tropicais, sob responsabilidade local do médico Luís Marcelo Aranha Camargo, professor do Instituto de Ciência Biomédicas (ICB/USP).A iniciativa foi tão enriquecedora que a universidade busca ampliar os investimentos.

Implantado em 2002, o projeto tem se destacado pelo pioneirismo, assiduidade e o crescente investimento. Durante esta expedição será inaugurado um laboratório de prótese dentária na Clínica de Odontologia da USP existente no local. “Além de mais saúde, o novo serviço irá levar mais conforto à população daquela região, que é bastante carente”, informa o professor José Roberto de Magalhães Bastos, titular da área de Saúde Coletiva e atual prefeito do câmpus da USP em Bauru .

O novo laboratório terá o nome de José Valdes Conti, uma das maiores autoridades brasileiras na área da prótese dentária. Monte Negro é um município do interior de Rondônia com aproximadamente 17 mil habitantes. Lá, a USP possui um núcleo avançado de pesquisas de ponta na área de doenças tropicais, sob responsabilidade local do médico Luís Marcelo Aranha Camargo, professor do Instituto de Ciência Biomédicas (ICB/USP).A iniciativa foi tão enriquecedora que a universidade busca ampliar os investimentos.

A USP está canalizando recursos próprios para a montagem um Núcleo de Promoção à Saúde com a Prefeitura de Monte Negro. A nova unidade ficará sob a responsabilidade da FOB/USP, através da área de Saúde Coletiva do Departamento de Odontopediatria, Ortodontia e Saúde Coletiva.

Para os integrantes do projeto, a expedição é uma oportunidade de aprendizado e crescimento pessoal, como é o caso de Fábio Silva de Carvalho, cirurgião-dentista e mestrando em Saúde Coletiva em Bauru. Mesmo em sua quinta expedição, a pós-graduanda Ariádnes Nobrega de Oliveira, ainda carrega um pouco de ansiedade: “A cada viagem novas experiências são vividas”. Larissa Moreno, aluna de odontologia, aposta no intercâmbio de experiências. “Tenho certeza que serão dias de novos aprendizados e de troca de conhecimentos entre nós e a população local”, diz.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também