Rondônia, segunda-feira, 19 de outubro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Quarta, 13 de Maio de 2009 - 18h08

FIMCA lembra dia do profissional Zootecnista

Assessoria


No primeiro semestre letivo de 2008, a FIMCA implantaria o Curso de Zootecnia objetivando formar profissionais nesta área com sólida base de conhecimentos científicos, dotados de consciência ética, política, com visão crítica e global da conjuntura econômica, social, política e cultural da região onde atua, seja no Brasil e ou no exterior; que estejam aptos a gerenciar ou assistir diferentes sistemas de produção animal, atendendo às exigências de qualidade demandadas pela sociedade e contextualizadas pela gestão ambiental.

“Nesta data (13 de maio) comemoramos o Dia do Zootecnista”, lembrou o diretor da FIMCA, Aparício Carvalho. “Na atualidade, é dispensável frisarmos a evolução da Zootecnia como ciência, uma vez que a sociedade tem tido contato com os avanços da genética animal, sistemas intensivos de criação, do acentuado crescimento da Avicultura, Suinocultura, Bovinocultura de Corte e Leite, que são as mais expressivas mantenedoras de postos de trabalho e renda no meio rural”ressaltou.

Aparício afirma ainda que “o objetivo da FIMCA é desenvolver no profissional, espírito crítico e investigativo para compreender e solucionar problemas dentro dos limites éticos. Esse espírito deverá vir naturalmente através de trabalhos de pesquisa, trabalhos investigativos e extensão”.

Entre as competências e habilidades desenvolvidas por um Zootecnista podemos citar o gerenciamento ou assistência de produção animal; planejar o sistema produtivo contextualizado pela gestão ambiental; interagir com a comunidade da região de Porto Velho e outras regiões do Estado através de visitas técnicas, palestras, pesquisa e extensão, com vistas ao desenvolvimento social, econômico, intelectual e técnico da população de nosso Estado; proceder à pesquisa científica voltada para o desenvolvimento tecnológico das atividades relacionadas a esta atividade profissional, entre outras.

O primeiro curso de Zootecnia criado no Brasil iniciou suas atividades em 1966, em Uruguaiana, Rio Grande do Sul. Em quatro décadas de existência do Curso de Zootecnia, os profissionais que atuam nesta área têm apresentado contribuições ao avanço social e econômico do país, através do fomento à pecuária e ao desenvolvimento produtivo dos rebanhos, bem como estudando alternativas de produção racional de diferentes espécies animais, nas mais variadas condições.

Atualmente, são cerca de 11.000 profissionais formados e já existem mais de 50 faculdades espalhadas no país, entre elas a FIMCA, com onze anos de existência. Os números mostram uma categoria com amplas possibilidades de fortalecimento das suas bases, pela manutenção de uma firme atuação, tanto na iniciativa privada, quanto no setor público, juntamente com outras profissões das Ciências Agrária.

Os diretores das Faculdades FIMCA e Metropolitana, Aparício Carvalho e Maria Silvia parabenizam a todos os profissionais zootecnistas que atuam na área em Rondônia e em todo o Brasil pelo seu dia, assim como docentes e acadêmicos de Zootecnia da FIMCA e demais instituições de ensino superior.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions