Rondônia, sábado, 24 de outubro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Segunda, 25 de Janeiro de 2010 - 14h07

Governo implanta sistema de informação sobre direito da criança e adolescente

RONDONIAGORA


O Governo do Estado está implantando em Rondônia o sistema para infância e adolescência – Sipia. Trata-se de uma ferramenta que viabiliza um banco de dados virtual com todas as ocorrências registradas nos conselhos tutelares de cada município, sob a coordenação da administração estadual.

Essas informações ficam disponíveis numa rede que pode ser acessada em tempo real pelos conselhos tutelares, conselhos de direitos nos níveis municipal, estadual e federal, bem como na Rede Nacional do Ministério da Justiça. Mais informações podem ser obtidas no site www.sipia.org.br, no qual pode ser feita denúncias on-line.

Na manhã desta segunda - feira, 25, a assistente social Tânia Pires, secretária de Assistência Social do Estado (Seas), pasta responsável pela implantação do sistema, se reuniu, no Primeiro Conselho Tutelar de Porto Velho, com os conselheiros José Leite e Rose Silva, a qual é também presidente da Associação dos Conselhos Tutelares do Estado.

Durante a reunião, a titular da Seas, o coordenador estadual do Sipia, Lusiel Henrique e a gerente de Políticas Estratégicas para Criança, Adolescente e Juventude da Secretaria de Assistência Social do Estado, Evilásia Nunes, traçaram diretrizes para a expansão do sistema, o qual foi lançado oficialmente neste encontro.

“A próxima etapa é realizar uma capacitação em Ji-Paraná com conselheiros das cidades daquela região”, anunciou Tânia Pires, esclarecendo que uma das atribuições do Governo do Estado nesse processo, é capacitar os representantes dos colegiados envolvidos na defesa dos direitos da criança e do adolescente.

Para ser implantado em Porto Velho, por exemplo, foi realizado um treinamento, tendo como ministrante Gilberto de Souza, administrador regional do Sistema. “Esse trabalho é importante porque favorece o planejamento e desenvolvimento de ações entre órgãos responsáveis pelas políticas e programas destinados à criança e ao adolescente”, observou ele.

Com esse mecanismo, os conselhos e toda a rede poderão acompanhar as medidas aplicadas que antes eram informadas apenas pelos conselheiros. O sistema vai possibilitar, entre outras vantagens, uma leitura mais clara e completa de queixa e situação da criança ou adolescente por parte do Conselho Tutelar. “Esse avanço representa um marco histórico em Rondônia”, definiu Tânia Pires.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions