Rondoniagora.com

Rondônia, 06 de Outubro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Geral

JIRAU SERÁ COMANDADA POR EMPRESA FRANCO-BELGA

Segunda-feira, 19 Maio de 2008 - 14:44 | G1


O consórcio Energia Sustentável do Brasil, comandado pela multinacional franco-belga Suez venceu o leilão da usina hidrelétrica de Jirau, no rio Madeira, em Rondônia. O lance oferecido pelo consórcio foi de R$ 71,40, o Megawatt hora (MWh), o que representa um deságio de 21,6% em relação ao teto, que era de R$ 91,00. O preço final foi fixado em R$ 71,37 para as distribuidoras de energia, para quem o consórcio destinará 70% da produção de Jirau.

Em nota distribuída à imprensa assim que foi divulgado o resultado, o presidente do consórcio vencedor, Victor-Frank Paranhos, afirmou que estudos técnicos permitiram reduzir em R$ 1 bilhão o custo da obra, previsto incialmente para R$ 8,7 bilhões. Outro ponto destacado na nota do vitorioso é a possibilidade de antecipar o início das operaçòes da usina de janeiro de 2013 para março de 2012.

O consórcio liderado pela Suez derrotou o favorito Jirau Energia, comandado por Furnas e Odebrecht, autores do estudo de viabilidade da obra. O leilão durou sete minutos porque na primeira rodada o consórcio Energia Sustentável do Brasil apresentou uma oferta 5% abaixo da concorrente.

Em nota distribuída à imprensa assim que foi divulgado o resultado, o presidente do consórcio vencedor, Victor-Frank Paranhos, afirmou que estudos técnicos permitiram reduzir em R$ 1 bilhão o custo da obra, previsto incialmente para R$ 8,7 bilhões. Outro ponto destacado na nota do vitorioso é a possibilidade de antecipar o início das operaçòes da usina de janeiro de 2013 para março de 2012.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News