Rondônia, terça-feira, 23 de julho de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Quarta, 12 de Outubro de 2011 - 05h50

MEC ABRE SINDICÂNCIA CONTRA REITOR JANUÁRIO AMARAL E ENVIA SECRETÁRIO PARA VERIFICAR ABANDONO DA UNIR

RONDONIAGORA


A audiência realizada entre o Comando de Greve dos docentes e discentes da Universidade Federal de Rondônia - UNIR e o secretário do Ensino Superior-SESu/MEC, em Brasília, realizada nesta terça-feira teve grandes avanços. Marcada pela bancada federal, teve como objetivo tratar dos problemas enfrentados pelos professores e alunos que estão em greve desde o dia 14 de setembro de 2011.

A reunião durou três horas e contou com a presença de toda a bancada federal de Rondônia, com exceção do deputado Lindomar Garçon. Também participaram da reunião representantes do Sindicato Nacional de Docentes-ANDES-SN e da Associação Nacional de Dirigentes de Instituições Federais de Ensino Superior - ANDIFES, o Reitor e seus assessores. Na ocasião o Comando de Greve apresentou dossiê acompanhado de relatório circunstanciado em que aponta inúmeras irregularidades praticadas pela administração superior da UNIR.

O Secretário da SESu/MEC mostrou-se especialmente preocupado com as denúncias de eventual manipulação dos concursos públicos para docentes, que teria privilegiado candidatos próximos a Reitoria, e o convênio assinado com o Instituto Qualificar, que poderá lesar mais de 1.800 pessoas que acreditaram na campanha de “cursos grátis”. Cada uma destas pessoas pagou R$ 180,00, que não entraram nos cofres da UNIR. Com o desaparecimento do dinheiro e a anulação dos cursos, a UNIR será obrigada a devolver o valor das inscrições.
O resultado da reunião culminou com a abertura de processo de sindicância para apurar as irregularidades apontadas pelo relatório circunstanciado. Decidiu-se também pela vinda do secretário da SESu/MEC, professor Luiz Claudio Costa, nessa segunda-feira, 17, para verificar “in loco” o abandono em que se encontra a UNIR. E, paralelamente, será criada uma comissão de professores e estudantes em greve para acompanhar as ações previstas.

O comando de greve avalia que tanto a vinda do secretário da SESu/MEC a Porto Velho, como a criação de comissão de sindicância é um avanço que aponta para o fortalecimento do movimento, pois o grande entrave continua sendo a permanência do reitor na direção da UNIR, haja vista que o mesmo não reúne mais credibilidade frente à comunidade universitária.

Nessa quarta-feira, 12, o Comando de Greve realizará uma avaliação da reunião e em seguida, às 17h, promoverá, com a sociedade civil, um abraço no prédio da UNIR-Centro.

Na quinta-feira, 13, os docentes se reunirão em Assembleia no Auditório Paulo Freire, localizado no Campus Universitário José Ribeiro Filho em Porto Velho, convocado pelo Comando de Greve e diretoria da ADUNIR. A pauta consistirá em informes das reuniões ocorridas em Brasília, informes e encaminhamentos da greve.

(Disponível em https://www.rondoniagora.com/geral/mec-abre-sindicancia-contra-reitor-januario-amaral-e-envia-secretario-para-verificar-abandono-da-unir)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions