Rondônia, quinta-feira, 20 de setembro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Segunda, 04 de Agosto de 2008 - 19h30

MP vai firmar parceria com a FIERO para fazer parte do Programa de Neutralização de Emissão de Carbono

Assessoria


O Subprocurador-Geral de Justiça, Ivo Benitez, e a Promotora de Justiça do Meio Ambiente, Aidee Moser Torquato Luiz, se reuniram nesta segunda-feira (4) com o presidente do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e assessor econômico da Presidência da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (FIERO), Valdemar Camata Júnior, para discutir a inserção do Ministério Público de Rondônia no Programa de Neutralização de Emissão de Carbono Fiero Carbon Free.
Por meio da parceria, a FIERO se dispõe a realizar o cálculo das emissões de carbono produzidas pelo Ministério Público para promoção de ações de recuperação de matas ciliares. O programa consiste em um levantamento, nas empresas, do grau de utilização de serviços como transporte, eletricidade, gás, além de produção de resíduos sólidos e outros, para que se chegue ao número de árvores que precisam ser plantadas para compensação dos danos à camada de ozônio.
Segundo Camata, a FIERO elegeu o Programa de Recuperação de Matas Ciliares Rio Boa Vista, em Ouro Preto d´Oeste, que vem sendo desenvolvido pelo SIPAM e a Promotoria de Justiça daquele município, para iniciar o programa de plantio de árvores. A FIERO vai disponibilizar cinco mil mudas de 100 tipos de espécies nativas, fornecidas pelo Batalhão de Polícia Ambiental, aos produtores rurais da região.
O presidente da FIERO afirma ainda que a participação do Ministério Público no processo de recuperação dessas áreas será fundamental, já que um dos problemas verificados para realizar esse trabalho foi a dificuldade dos produtores em obter madeira certificada para fazer os “mourões” para cercamento das áreas de plantio, com o objetivo de evitar a entrada do gado. “Queremos o apoio do Ministério Público para conseguir a liberação de madeira apreendida para fazer o cercamento dessas áreas”, justificou.
O Procurador de Justiça Ivo Benitez afirmou que o Ministério Público tem todo o interesse em neutralizar as emissões de carbono produzidas pela Instituição e vai verificar as medidas administrativas para que os produtores rurais possam obter madeira certificada para fazer o cercamento das áreas de plantio.
De acordo com a Promotora de Justiça, Aidee Moser Torquato Luiz, a Secretaria de Desenvolvimento Ambiental(SEDAM) dispõe de mais de 20 mil metros cúbicos de madeira apreendida e se mostrou favorável à participação do MP no Programa de Neutralização de Emissão de Carbono.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions