Rondônia, domingo, 25 de outubro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Quinta, 15 de Outubro de 2009 - 18h01

Neodi defende compensação justa para a população de Rondônia

RONDONIAGORA


Ele disse que o Poder Legislativo autorizou na última segunda-feira (13) a instalação de uma CPI para apurar indícios de irregularidades na construção das usinas de Santo Antônio e Jirau...

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Neodi Carlos (PSDC), defendeu hoje (14), durante entrevista ao programa “A Hora do Povo”, do jornalista Maurício Calixto, na Rádio Rondônia FM, uma compensação justa para a população de Rondônia para amenizar o caos gerado na área da saúde ocasionado em função da construção das usinas do Rio Madeira, em Porto Velho.

Ele disse que o Poder Legislativo autorizou na última segunda-feira (13) a instalação de uma CPI para apurar indícios de irregularidades na construção das usinas de Santo Antônio e Jirau. “Não somos contra a construção das hidrelétricas. Pelo contrário, defendemos a geração de empregos e proteção do meio ambiente, mas a população está acima de tudo. Hoje as unidades de saúde estão superlotadas em função do aumento de número de acidentes.”

Na última segunda-feira, segundo Neodi, a Assembleia aprovou remanejamento para o setor de Saúde no valor de R$ 89 milhões. Para o parlamentar, os R$ 30 milhões oferecidos em contrapartida pelas empresas responsáveis pelas obras das hidrelétricas não resolve o problema gerado no setor de saúde, segurança pública e principalmente no trânsito de Porto Velho.

Por outro lado, explicou Neodi as empresas não respeitaram os poderes constituídos em Rondônia. “A Assembléia autorizou a construção da usina de Jirau em determinada área, mas a obra está sendo executada em outro local. Não respeitaram o Poder Legislativo, Ministério Público, Tribunal de Justiça e a Sedam – Secretaria de Desenvolvimento Ambiental”.

PEC da Transposição – A aprovação em segundo turno na Câmara Federal da PEC que transfere os servidores do Estado para os quadros da União, segundo o presidente da Assembleia, representou para Rondônia um ato de civismo e essa união da classe política precisa ser mantida no Senado Federal, onde a PEC será analisada. “Na Câmara, a PEC recebeu várias emendas. Uma delas beneficia servidores do Estado até 1991. É necessário corrigir o texto e estender o benefício para servidores contratados no período de 1981 a 1991. Se for possível, estaremos mobilizando sindicatos”.

Eleições 2010 - Questionado sobre eventual candidatura ao governo do Estado nas eleições de 2010, Neodi afirmou que faz parte de um grupo político, encabeçado pelo governador Ivo Cassol (PP) e que tem como lideranças o vice-governador João Cahulla (PPS), senador Expedito Júnior (PSDB) e deputado estadual Tiziu Jidalias (PP). “Vamos respeitar a decisão das lideranças que encabeçam esse grupo. O momento agora requer preocupação em manter o grupo unido em benefício das ações de Rondônia”, disse.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions