Rondônia, quinta-feira, 1 de outubro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Terça, 07 de Fevereiro de 2017 - 16h17

Porto Velho registrou quase 200 denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes em 2016

da Redação


Porto Velho registrou quase 200 denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes em 2016

A Associação Brasileira Terra dos Homens apresentou nesta terça-feira um seminário sobre os resultados do Projeto “Diálogos em Rede-Estado, Empresas e Sociedade Civil no Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”. O evento teve parceria da Rede Municipal de Enfrentamento à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes e Secretaria Especial de Direitos Humanos do Ministério da Justiça e aconteceu na sede do MP em Porto Velho.

O objetivo é fortalecer as redes de enfrentamento da violência sexual de crianças e adolescentes no contexto de grandes obras da região Norte do Brasil, como ocorreu recentemente em Porto Velho com a construção das Usinas do Madeira, e abordar de forma dinâmica a articulação entre Estado, Empresas e Sociedade Civil.

Somente no ano de 2016, o Disk 100 recebeu mais de 720 denúncias de violência sexual no estado de Rondônia. Em Porto Velho foram 360 denúncias envolvendo todos os tipos de violência e 185 somente de violência sexual.

De acordo com a gerente de programa social da associação brasileira, Valéria Brahim, existem vários meios que podem ajudar na diminuição da violência sexual. “O importante é que a gente trabalhe com o próprio público interno das empresas; com a criança para que ela perceba que o corpo é dela, que ninguém pode violar esse corpo; com as famílias fortalecendo esse assunto e com os profissionais para que possam denunciar se caso eles percebam algum indício de violação”, diz a gerente.

Ainda de acordo com Valéria, a conscientização e a capacitação de profissionais para lidar com essa questão ajuda no combate. “A conscientização do público interno das empresas ajuda muito. Entramos na empresa Santo Antônio Energia e realizamos um grande trabalho de conscientização com os profissionais. Essa campanha é algo que precisa continuar e as empresas precisam se envolver mais”, enfatiza.

O promotor de justiça Alan Castiel fala sobre o trabalho realizado no combate a violência sexual. “A gente atua nas investigações policiais junto à delegacia de polícia e também oferece ações penais para aqueles casos em que há comprovação mínima dos elementos do crime. Em alguns casos nós mesmos trabalhamos na investigação, para propor ação penal posteriormente”, explica o promotor.

Em 2016, o MP realizou 126 ações penais contra agressores sexuais entre estupro e estupro de vulneráveis. “Esse é um número bem considerável no que se refere ao tamanho do nosso estado”, finaliza o promotor.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions