Rondônia, sexta-feira, 25 de setembro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Quarta, 15 de Março de 2017 - 18h30

Procura pelo Procon aumenta, mas consumidor de Rondônia ainda é tímido na busca por direitos

da Redação


Procura pelo Procon aumenta, mas consumidor de Rondônia ainda é tímido na busca por direitos

Nesta quarta-feira (15) de março é comemorado o Dia Internacional do Consumidor, uma importante data que deve ser lembrada, pois remete às crescentes conquistas.
O Procon, órgão de proteção e defesa e que atua em todo país tem evoluído na luta pelos direitos da população que consome, e os números demonstram essa realidade. Em 2015, o Procon Estadual atendeu 30 mil consumidores e em 2016 esse número subiu para 43 mil casos.

Para o coordenador do órgão, Rui Rodrigues Costa, o consumidor de Rondônia ainda é tímido quando se refere aos seus direitos. “Muitos consumidores se calam diante dos seus problemas, mesmo sabendo que ele está no direito dele. Tem aquele consumidor que prefere ficar no prejuízo a ir até o Procon e indo em busca dos seus direitos, ele vai está reforçando o respeito que o as empresas tem que ter com os consumidores”, disse o coordenador.

Os consumidores que optam em fazer compras pela internet devem ficar bastante atentos na hora de escolher um site. “Nós temos uma lista com mais de 500 sites que costumam dar problemas para o comprador, então o cliente pode verificar a não comprar nele. Os sites precisam constar endereço fixo, CNPJ da empresa e a ferramenta chamada arrependimento, que é para aqueles consumidores que se arrependeram da compra no prazo de 7 dias”, informa.

O militar Luiz Mesquita, de 44 anos, procurou o Procon pela segunda vez para resolver o problema de um produto que passou do prazo do conserto. “Eu comprei um som para carro e ele deu problema logo quando comecei a usá-lo. Hoje faz mais de 30 dias que está para o conserto e eu vim aqui pela segunda vez pedir ajuda para receber meu dinheiro de volta, porque da primeira vez eu consegui fazer valer meu direito”, disse Luiz.

Para conseguir reembolso de um aparelho celular com defeito o vigilante Joabi Souza, de 28 anos procurou o Procon pela primeira vez. “Meu celular deu problema, está mais de dois meses para a autorizada e até agora eu não tive nenhuma resposta. Hoje eu cansei de esperar e resolvi vir pela primeira vez buscar meus direitos. Tomara que eu saia daqui com uma esperança de que vou ter meu dinheiro de volta”, disse o vigilante.

O Procon de Porto Velho fica localizado Av. Sete de Setembro, no Centro da cidade (Tudo Aqui) e funciona das 7:30 às 18h, sem limites de senha.

Procura pelo Procon aumenta, mas consumidor de Rondônia ainda é tímido na busca por direitosRui Costa é o coordenador do Procon em Rondônia

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions