Rondônia, terça-feira, 20 de outubro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Terça, 20 de Outubro de 2009 - 10h25

São Lucas mostra trabalho sobre cultura de pupunha in vitro em Congresso Nacional em Aracaju

Assessoria


Trabalho baseado no desenvolvimento de protocolo para micro propagação por embriogenese somática da planta pupunha (Bactris gasipaes) in vitro, realizado no Laboratório de Genética e Biologia Molecular da Faculdade São Lucas, é apresentado pela acadêmica Priscila Naiara Araújo Cunha, do 5º Período do Curso de Ciências Biológicas, no 4º Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, que está sendo realizado em Aracaju (SE). Coordenada pelo Doutor Odécio Cáceres, a pesquisa analisa o polimorfismo através da análise de DNA obtido de plantas de diferentes regiões (oriundas do Peru, do Estado de Santa Catarina, cidade de Jaú-SP, da cidade de Porto Velho-RO ou da cidade de Campinas-SP) a partir de sementes germinadas ou extraídas das próprias plantas, apresentando padrão parecido de alelos, mas com algumas diferenças significativas, o que permitirá, com mais investigação, o estabelecimento do genótipo de cada variedade de planta de pupunha.

O sucesso parcial obtido na cultura de tecido de vários tipos de palmeira (C. nucifera, E. guineensis e Euterpe edulis), utilizando abordagem embriogenética somática na presença de indutores de crescimento celular, tipo 2,4D em diferentes concentrações, estimulou a busca de procedimentos semelhantes para a planta de pupunha. Entre 1981, quando foi realizado o primeiro trabalho de cultura de tecido de pupunha, e 1996 duas dezenas de investigações foram finalizadas.

Entretanto, o fato de a pupunha apresentar origem híbrida e a ocorrência de auto-incompatibilidade, recomenda a propagação clonal de plantas selecionadas como programa de melhoramento genético e de conservação desta espécie. O objetivo do trabalho é testar 2 dos protocolos existentes na literatura e que indicam a possibilidade de uso na clonagem da planta de pupunha.

Embora os resultados ainda sejam bastante preliminares, o trabalho obteve formação de calos embriogênicos, além da obtenção de plântulas incompletas. As análises de polimorfismo apresentam padrão parecido de alelos, mas com algumas diferenças significativas. Diante disso, o desenvolvimento de protocolo para micropropagação por embriogenese somática da planta de pupunha demonstra ser bastante promissor, podendo cooperar com diversas técnicas de conservação desta espécie, além da clonagem com fins comerciais.

Promovido pela a Associação Brasileira de Cultura de Tecidos de Plantas (ABCTP), o Congresso terá “Ciência, Inovação e Sustentabilidade” como tema central, objetivando debater inovações tecnológicas no cultivo de flores e plantas ornamentais e novas aplicações da cultura in vitro, visando à obtenção de produtos de alta qualidade e competitividade, tanto para o mercado interno como para exportação. Palestras, mesas redondas, câmaras técnicas, mini-cursos e resultados da pesquisa científica também estão previstas.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions