Rondônia, segunda-feira, 19 de outubro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Terça, 07 de Julho de 2009 - 13h25

Servidores do MAPA apóiam greve caso negociações não avancem com governo

Sindsef


Servidores do MAPA apóiam greve caso negociações não avancem com governo
O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Federais de Rondônia (SINDSEF), Herclus Coelho, disse que os servidores administrativos do Ministério da Agricultura (MAPA) realizaram no último dia 03 de julho, o seu encontro nacional com representantes de dezesseis estados (SE, GO, BA, RR, PR, RJ, SC, RN, MG, PB, AL, TO, PE, RS, CE e AP), mais o Distrito Federal. Reunidos, os administrativos do MAPA fizeram avaliação do processo de negociações com o governo e apontaram novas ações quer farão parte do plano de lutas do setor. A categoria vai defender em reunião, agendada para o dia 11 de julho, uma greve unificada caso o governo não cumpra com acordos firmados e as negociações que estão em curso não avancem. Representantes do DARA, grupo de estudos e de apoio ao departamento darão plantão em Brasília onde realizam trabalho parlamentar e outras atividades para buscar apoio necessário para correção de distorções salariais que prejudicam o MAPA.

Herclus acrescentou que a categoria busca a equiparação salarial entre os servidores da Agricultura e um plano único de carreira para o setor. Para avançar no processo que busca a implantação de uma gratificação específica para correção de distorções graves, os servidores pretendem buscar apoio como do deputado Fábio Souto (DEM-BA). A expectativa é que a intervenção parlamentar favoreça um encontro entre os ministros do Planejamento e da Administração na Comissão de Agricultura para tratar a questão. Os servidores querem saber também se o plano de carreira dos servidores da Ceplac já foi discutido com o Planejamento. Para isso buscarão informações com gestores do MAPA.

Concurso, paridade e plano de saúde – A substituição de terceirizados e abertura imediata de concurso público para repor o quadro funcional de servidores da Agricultura foram apontadas como ações urgentes. A defesa da paridade entre ativos, aposentados e pensionistas também segue entre as bandeiras de luta. Os servidores do MAPA discutiram ainda a necessidade de pressionar o governo a fornecer um plano de saúde que esteja ao alcance de todos os servidores.

Caso as negociações para garantir correção de distorções salariais não avancem, os servidores trabalham com a possibilidade de recorrer à Justiça para conquistar esse direito. Uma análise jurídica será realizada para verificar a possibilidade de uma ação ordinária para corrigir as distorções salariais entre os setores do MAPA. Herclus disse ainda que O SINDSEF realizou várias reuniões com os técnico-administrativos do MAPA discutindo essa questão e buscando apoio junto à bancada federal na solução do problema.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions