Rondônia, domingo, 29 de novembro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Quarta, 16 de Dezembro de 2009 - 13h59

Sesau alerta população e cria comitê de enfrentamento da dengue

RONDONIAGORA


Com a chegada do inverno amazônico e as conseqüências que a dengue tem provocado neste início de período de maior atividade do seu transmissor, o mosquito Aedes Aegypti, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Saúde (Sesau-RO) promoveu, em caráter de urgência, uma reunião envolvendo técnicos do Laboratório Central (Lacen), Agência de Vigilância em Saúde (Agevisa), Hospital Infantil Cosme e Damião, Centro de Pesquisa em Doenças Tropicais (Cepem) e a Coordenadoria do Programa Nacional do Controle da Dengue do Ministério da Saúde (MS), para discutir e traçar estratégias para o funcionamento do Comitê de enfrentamento ao controle da dengue.

Durante o encontro foi discutida a necessidade de um movimento de alerta a todos os órgãos públicos federais, estaduais e municipais, empresas privadas, proprietários de terrenos baldios e a população em geral para que intensifiquem limpeza diária ou periódica nos prédios públicos, residências e seus arredores, bem como realizem o procedimento de vedação em caixas d’águas, cisternas, fossas, para evitar água parada em pneus, garrafas e outros locais. Com esses cuidados, os focos são eliminados e conseqüentemente se impede a reprodução rápida do mosquito da dengue.

De acordo com o secretário Milton Moreira, a conscientização dos moradores é fundamental no combate à doença. Ele destacou que o Estado está em dia com as ações preventivas, como a capacitação de servidores e o apoio aos municípios quando necessário, tanto no deslocamento de pessoas quanto na parte material. “Recentemente a Sesau repassou às prefeituras 40 bombas residuais, além de disponibilizar 10 carros do tipo “fumacê”, que estão trabalhando em várias localidades. Mas é preciso a união de forças e a população tem papel fundamental nesta ação”, informou.

Foram confirmados 48 casos graves da doença em todo o Estado, com dois óbitos por dengue hemorrágica. “A população tem que se conscientizar que a dengue mata”, alerta Milton Moreira, informando que o Estado está assessorando e supervisionando as ações que os municípios estão executando no combate à dengue.

O secretária explica ainda que cabem aos municípios as ações de controle de vetores da doença, isto é, a eliminação de focos, as ações de mobilização social, limpeza urbana e de vigilância epidemiológica. Caso seja constatada a insuficiência técnica e operacional dos municípios em controlar a dengue, o Estado faz intervenção e trabalha de forma integrada com os municípios, promovendo ainda a capacitação entre todos os setores. Os municípios têm que dar os primeiros atendimentos aos pacientes e fazer as ações preventivas, alertando, sobretudo, à população sobre os cuidados necessários.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions