Rondônia, 07 de Dezembro de 2022
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Geral

Sindicatos convocam servidores estaduais de todas as categorias a paralisarem as atividades

Segunda-feira, 11 Fevereiro de 2008 - 17:16 | Assessoria do Sintero


Dirigentes de praticamente todos os sindicatos de servidores públicos estaduais, reunidos nesta segunda-feira, traçaram uma série de estratégias de combate o que denominam autoritarismo do governo do Estado e atitudes que têm causado sérios prejuízos ao funcionalismo público.
Uma das atividades será a convocação de todos os servidores públicos estaduais a paralisarem as suas atividades no dia 12 de março, quando será realizado um grande ato público em Porto Velho. Os sindicalistas consideram que os funcionários públicos precisam reagir ao autoritarismo e às perseguições do governo, visto que muitos direitos conquistados ao longo da carreira estão sendo retirados com a aprovação dos deputados estaduais.
Outra estratégia a ser adotada será a divulgação, em todos os municípios, dos nomes dos deputados que estão votando contra os servidores, por ordem do governo, e os prejuízos causados às categorias. Além de atingir diretamente os direitos dos servidores, os deputados agora tentam limitar a atuação dos sindicatos para que não possam mais lutar pelas suas categorias.
Entre as leis aprovadas pelos deputados que prejudicam os servidores estão: revogação da lei que obrigava o governo a investir em casas populares, aprovação de lei que reduz o valor máximo para pagamento direto de ações judiciais, de 40 para 10 salários mínimos inviabilizando o pagamento de inúmeras ações judiciais já ganhas pelos servidores, aprovação de lei que reduz a liberação de dirigentes sindicais eleitos pelas categorias para atuarem nos sindicatos, revogação da lei que garantia recomposição salarial dos trabalhadores em educação, aprovação da lei que ameaça a gratificação de incentivo ao magistério dos professores, etc.
Participaram da reunião dirigentes dos sindicatos Sinjur, Sindsaúde, Sintero, Sinsempro, Sinsepol, Sintraer, Senge, Sindler, Simporo, CUT, Sinsdet, Funspro, entre outros.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também