Rondônia, 04 de Dezembro de 2022
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Geral

Sintero acusa Governo de manipular Assembléia Legislativa

Quinta-feira, 07 Fevereiro de 2008 - 16:00 | Sintero




Os projetos de lei de autoria do Executivo chegam à Assembléia Legislativa e geralmente são aprovados em tempo recorde. As comissões, nas quais os Projetos deveriam tramitar e passar por uma análise, se limitam a encaminhá-los ao plenário com parecer favorável minutos após terem recebido os mesmos, segundo o Sintero.

Um princípio de tumulto aconteceu na tarde da última quarta-feira quando realizou-se a primeira sessão extraordinária do período convocado pelo Executivo. Os dirigentes sindicais que acompanhavam a sessão foram convidados para uma reunião fora do Plenarinho apenas com o pretexto de retirá-los do recinto. Quando perceberam que não havia reunião tentaram retornar, mas foram impedidos pelos seguranças que passaram a empurrar e a agredir quem tentasse entrar no local.

Os projetos de lei de autoria do Executivo chegam à Assembléia Legislativa e geralmente são aprovados em tempo recorde. As comissões, nas quais os Projetos deveriam tramitar e passar por uma análise, se limitam a encaminhá-los ao plenário com parecer favorável minutos após terem recebido os mesmos, segundo o Sintero.

Entre as leis aprovadas pelos deputados, conforme a entidade, estão a que retira direitos dos professores estaduais ameaçando a gratificação de incentivo ao magistério, a que desobriga o governo do Estado a investir na construção de casas populares, a alteração do Plano de Carreira da educação traindo a negociação estabelecida entre o governo e o Sintero, a lei que impede a liberação de servidores eleitos para o mandato classista, além da criação de uma CPI inconstitucional para intervir no Sintero.

Mais explícito do que o posicionamento dos deputados em plenário foi a resposta do deputado Alex Testoni ao ser indagado por um sindicalista presente à sessão sobre o projeto que inviabiliza o funcionamento dos sindicatos. “Conversem com o Juarez Jardim (Chefe da Casa Civil). O que ele mandar nós aprovamos”, disse o parlamentar.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também