Rondoniagora.com

Rondônia, 01 de Outubro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Geral

Sintero e Prefeitura trabalham na adequação do Plano de Carreira

Quinta-feira, 30 Outubro de 2008 - 19:33 | Assessoria


Sintero e Prefeitura trabalham na adequação do Plano de Carreira
O prefeito de Porto Velho, Roberto Sobrinho, recebeu em audiência na tarde desta quinta-feira (30/11) a direção do Sintero com a finalidade de discutir vários assuntos de interesse dos trabalhadores em educação do Município. Na reunião, que também contou com a participação da secretária Municipal de Educação, Maria de Fátima Ferreira, a presidente do Sintero, Claudir Mata, estava acompanhada dos diretores do sindicato Manoel Rodrigues (Manoelzinho), secretário de funcionários da educação; Domingos Izel e Haroldo Félix, diretores da Regional Norte; e João Duarte, Secretário de Assuntos Educacionais.

Durante a reunião foi estabelecido um cronograma de trabalho para que o Sintero e a Semed façam a projeção de carga horária e para que a proposta de Plano de Carreira seja atualizada de acordo com a Lei do Piso Salarial Nacional. O próprio prefeito Roberto Sobrinho se propôs a participar da elaboração das tabelas e a discutir a valorização dos trabalhadores em educação.

A secretária Municipal de Educação, Maria de Fátima, destacou a necessidade de novas adequações à redação do Plano devido à aprovação pelo Congresso Nacional e sanção pelo Presidente Lula da Lei do Piso Salarial Profissional Nacional, que entrará em vigor em janeiro de 2009.

Durante a reunião foi estabelecido um cronograma de trabalho para que o Sintero e a Semed façam a projeção de carga horária e para que a proposta de Plano de Carreira seja atualizada de acordo com a Lei do Piso Salarial Nacional. O próprio prefeito Roberto Sobrinho se propôs a participar da elaboração das tabelas e a discutir a valorização dos trabalhadores em educação.

Claudir disse que os trabalhos deverão ser acelerados porque a Lei do Piso Salarial entra em vigor em 1º de janeiro e o Plano de Carreira tem que estar pronto e aprovado até lá. “A Prefeitura precisa manter a valorização dos trabalhadores em educação para que as reposições salariais continuem acontecendo”, disse.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News