Rondônia, 13 de junho de 2024
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Nacional

Governador do Amazonas indignado com parecer do IBAMA

Segunda-feira, 13 Julho de 2009 - 11:15 | Terra


O parecer do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) contrário ao Estudo de Impacto Ambiental (IEA) referente ao asfaltamento da BR-319, que liga Manaus a Porto Velho, é criticado pelo governador do Amazonas, Eduardo Braga. Ele considera que a discussão ambiental sobre a rodovia é ′esquizofrênica′. Disse que não aceitará que ′ecologistas de Ipanema′ decidam sobre questões da Amazônia.



De acordo com o governador, o Ibama avaliou os impactos ambientais da obra baseado em uma ′Amazônia que não existe mais′. Segundo ele, as condições naturais em torno da rodovia já sofreram modificações. Para a recuperação de mais de 400 quilômetros da estrada, é preciso licença do Ibama.

"Não se pode simplesmente inventar análises botânicas sobre uma Amazônia que não existe mais em torno da BR-319. Essa discussão é esquizofrênica", disse Braga em conversa com jornalistas durante a 61ª reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

O governador afirmou estar disposto a discutir a questão com técnicos do Ibama e, numa referência ao ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, disse: "O que eu não aceito é os ecologistas da praia de Ipanema quererem decidir sobre o destino do povo da Amazônia." Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também