Rondônia, 05 de Dezembro de 2022
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Polícia

Defesa Civil Municipal não foi notificada sobre recomendação para interdição de áreas da Madeira Mamoré

Quinta-feira, 07 Julho de 2016 - 21:50 | Da Redacao


Enquanto a notificação do Ministério Público Federal (MPF) não chega nas mãos dos representantes da Defesa Civil Municipal de Porto Velho, a área do deck e dos banheiros da Praça da Estrada de Ferro Madeira Mamoré, que devem ser interditados por falta de segurança e condições de uso, continuam sendo utilizadas pelos freqüentadores do espaço público.

Segundo o coordenador de Defesa Civil do município, Marcelo Santos, nenhum documento chegou até a Secretaria Municipal de Projetos Especiais e Defesa Civil (Sempedec) para oficializar a recomendação federal. “Acreditamos que dentro dos próximos dias isso possa acontecer, aí tomaremos as providências e ainda cobraremos dos órgão competentes quanto às melhorias que devem ser feitas no local”, explicou.

Isso porque na última quarta-feira (6) o MPF expediu a recomendação direcionada para a Defesa Civil Estadual, que respondeu ao órgão federal a sobre a não responsabilidade sobre o espaço. “A Defesa Civil Estadual não pode tomar a frente nesse caso, porque compete ao município cuidar daquela área”, informou a capitã Daniele Cristina Lima Ferreira.

Para os freqüentadores do local, patrimônio histórico e ponto turístico da capital, o risco da área do deck, já com madeiras podres e buracos no piso, e ainda a falta de reforma e manutenção dos banheiros é uma vergonha para a cidade.

“Eu sou de Rio Branco e tenho o maior orgulho da minha cidade. Lá a margem do rio é muito organizada, com bares e lanchonetes, lixeiras, tudo limpo e bem cuidado, mas aqui dá até dó de ver um lugar tão bonito como este se acabando. É muito triste”, disse a doméstica, Francemilda Correia.

Para o músico Thiago Gonçalves, o local poderia ser bem mais valorizado e a história preservada. “Infelizmente, tem muito o que melhorar aqui, mas seria ótimo se alguém fizesse o que esse lugar merece”, declarou.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também