Rondoniagora.com

Rondônia, 30 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Polícia

Motorista é preso acusado de transportar mais de 40 metros cúbicos de madeira com documentos falsificados

Sexta-feira, 22 Fevereiro de 2008 - 11:34 | RONDONIAGORA.COM


Integrantes da Polícia Ambiental em Candeias do Jamari (RO) prenderam nesta quinta-feira o motorista Joaquim Rodrigues Nascimento, 51 anos, acusado de falsidade ideológica. O suspeito estaria transportando mais de 40 metros cúbicos de madeira serrada com nota e guia florestal “falsas”, em nome de uma madeireira do Rio de Janeiro.

O proprietário da madeireira localizada no município de Xerém, Luiz Carlos Demoner, havia telefonado para a Secretaria de Finanças de Rondônia (Sefin) e alertado sobre o golpe aplicado em nome da empresa dele. O empresário chegou a registrar ocorrência de estelionato na 61ª DP do Rio de Janeiro e também na Polícia Federal.

Na tarde desta quinta-feira, ao abordar o caminhão de placas KAU-7774 com três reboques, conduzido por Nascimento, os policiais constataram que os documentos haviam sido emitidos em nome da empresa carioca e logo suspeitaram da autenticidade. Em contato telefônico com o empresário, foram informados de que ele não havia comprado madeira em Rondônia, fato que culminou com a prisão do condutor do caminhão por falsidade ideológica.

O caminhão transportava 28,600 metros cúbicos de Maçaranduba e 13,235 metros cúbicos da essência Catuaba, totalizando 41,835 metros. Além de falsidade ideológica, o motorista do caminhão também foi acusado de transporte irregular de madeira, como relata a ocorrência nº 1404/2008 registrada às 21h45min na Delegacia Central. O empresário carioca enviou via fax cópias das ocorrências registradas nas Polícia Civil e Federal no Rio de Janeiro.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News