Rondônia, 31 de maio de 2023
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Polícia

Operação da PF investiga armazenamento de imagens de meninas sendo violentadas; um é preso

Quinta-feira, 23 Março de 2023 - 11:02 | Redação


Operação da PF investiga armazenamento de imagens de meninas sendo violentadas; um é preso

A Polícia Federal de Rondônia deflagrou na manhã desta quinta-feira (23), a Operação Hazard, para combater os crimes de aquisição, armazenamento e compartilhamento de materiais relacionados ao abuso sexual infantojuvenil.

A investigação foi iniciada em outubro de 2022, a partir de informações de uma organização não governamental estrangeira, que reportou indícios do crime de armazenamento de conteúdo pornográfico infantojuvenil. 

As informações recebidas pela Polícia Federal de Rondônia foram tratadas com a máxima prioridade, e indicavam que os crimes estavam sendo praticados, pelo menos, desde 2018, com o conteúdo ilícito adquirido e armazenado, em que predominantemente crianças do sexo feminino eram violentadas e abusadas sexualmente.

A PF conseguiu identificar o responsável pelas condutas criminosas como sendo um homem adulto, residente em Ariquemes.

O mandado de busca e apreensão foi expedito pela 3ª Vara Federal Criminal da Seção Judiciária de Rondônia e foi cumprido na residência do investigado.

Durante o cumprimento da medida, o homem foi flagrado armazenando e compartilhando pornografia infantojuvenil em seu celular, através de aplicativos de troca de mensagens. Ele recebeu voz de prisão em flagrante delito.

O homem foi encaminhado para o presídio de Ariquemes e ficará à disposição da Justiça Federal. O investigado responderá pelo crime de aquisição, armazenamento e compartilhamento de materiais relacionados ao abuso sexual infantojuvenil previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente, com penas somadas podem chegar a 10 anos de reclusão.

Os dispositivos eletrônicos apreendidos serão periciados e analisados pela Polícia Federal, podendo ainda revelar outros crimes praticados pelo investigado.

Hazard, nome dado à operação, em inglês significa “perigo”, em alusão à potencialidade desse perfil criminoso em abusar de crianças de seu convívio social.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também