Rondônia, terça-feira, 19 de março de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Polícia

Publicado em Terça, 16 de Junho de 2009 - 19h54

PF PRENDE 22 PESSOAS EM ESQUEMA ENVOLVENDO FRIGORÍFICOS

G1


Vinte e duas pessoas foram presas nesta terça-feira (16) durante ação da Operação Abate, realizada pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal em Rondônia, segundo informou ao G1 a assessoria de imprensa do MPF nesta terça-feira (16).

A operação foi realizada nesta terça-feira para apurar a prática de crimes que envolviam o pagamento de propinas a funcionários públicos que, em troca, favoreceriam frigoríficos, curtumes e laticínios do estado, principalmente em situações de fiscalização.

Entre os presos, segundo o MPF, estão funcionários da Superintendência Federal da Agricultura e empresários.

De acordo com o MPF, os frigoríficos JBS e Margen estão entre as empresas que teriam sido favorecidas por funcionários públicos em um esquema investigado pela PF. A ação principal do esquema, segundo o MPF, seria de favorecimento em fiscalizações das empresas.

Outro lado

Procurado pelo G1, o frigorífico Marden informou que ninguém da empresa irá se pronunciar.

Em nota divulgada no fim da tarde, a JBS informou ter recebido "visita da Polícia Federal de Rondônia na manhã de hoje, 16 de junho de 2009, em sua Unidade de Porto Velho".

Segundo a empresa, a visita cumpria o mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça Federal do Estado de Rondônia derivado de investigações realizadas pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal em que são investigados funcionários públicos da Superintendência Federal da Agricultura em Rondônia.

A JBS informa, no comunicado, ter contribuindo com a investigação, que apreendeu documentos relacionados à inspeção federal, bem como relatórios de auditorias e licenças de operações da unidade de Porto Velho.

"Vale ressaltar que nenhum dispositivo de armazenamento de dados eletrônico, computador ou qualquer tipo de equipamento da JBS foi apreendido, pois não foi encontrada nenhuma prova de evidência de crime", ressaltou a nota.

"A JBS reafirma não ter qualquer tipo de envolvimento em crimes associados a este inquérito", frisou a nota. "A companhia ainda não tem conhecimento do teor do inquérito policial que originou a investigação para detalhar mais sobre o assunto e reforça que contribuiu e continuará a contribuir com as investigações."

As empresas

O JBS é o maior processador de carne bovina do mundo, com operações, além do Brasil, nos Estados Unidos, Europa, Austrália e América do Sul.

O Margen passou por dificuldades financeiras em meio à crise financeira mundial e recorreu a um pedido de recuperação judicial. Várias de suas unidades estão paralisadas no momento.

Outras empresas, como laticínios e curtumes, também estariam sendo investigadas.

Segundo a assessoria do MPF, entre os crimes que estariam sendo investigados estão formação de quadrilha, corrupção passiva e ativa e subtração ou inutilização de documentos públicos.

Operação

A Operação Abate está cumprindo 15 mandados de prisão preventiva, 7 de prisão temporária e 43 de busca e apreensão na sede da Superintendência Federal da Agricultura em Rondônia, na residência de vários investigados e na sede de diversas empresas envolvidas no esquema.

As ações ocorrem em oito Estados e envolvem 250 policiais.

(Disponível em https://www.rondoniagora.com/policia/pf-prende-22-pessoas-em-esquema-envolvendo-frigorificos)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions