Rondônia, quinta-feira, 24 de junho de 2021
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Polícia

Publicado em Sexta, 07 de Maio de 2021 - 14h16

Polícia desvenda assassinato de tatuador, prende um e pede ajuda para capturar outro

da Redação


Polícia desvenda assassinato de tatuador, prende um e pede ajuda para capturar outroEduardo Conceição de Oliveira e o foragido Luã Lima

A delegada Leisaloma Carvalho deu detalhes da Operação Amsterdã, deflagrada na manhã desta sexta-feira (7), pela Delegacia de Homicídios, para prender o monitorado por tornozeleira Eduardo Conceição de Oliveira, 25 anos, acusado de matar a tiros o tatuador Adeilson Barbosa das Silva, 26 anos, na tarde do dia 16 de abril deste ano, na Rua Portugal, Bairro Novo Horizonte, na Zona Sul de Porto Velho.

Após as investigações, que duraram 20 dias, coordenadas pela delegada, foi possível chegar até os acusados do crime. Eduardo foi identificado como o autor dos disparos efetuados contra a vítima e o foragido Luã Lima foi o responsável por dar fuga para o criminoso em uma motocicleta.

Segundo Leisaloma Carvalho, Adeilson morreu porque tirou satisfação com Eduardo por ele ter dado em cima de sua esposa. “A vítima disse para Eduardo que iria comunicar os membros do Comando Vermelho sobre o ocorrido. O acusado não gostou, foi até o local, executou o tatuador e fugiu com a ajuda de Luã em uma motocicleta”, esclareceu.

A delegada disse ainda, que a vítima conhecia o assassino, inclusive já teria frequentado a casa dele.

Durante o cumprimento dos mandados de busca na casa de Eduardo, os policiais encontraram um forte esquema de monitoramento com câmeras instaladas em vários pontos da residência para avistar a chegada da Polícia.

Na casa, os investigadores encontraram uma pistola municiada, que teria sido roubada dias antes do crime, e possivelmente foi usada para matar Adeilson, aparelhos celulares de procedência duvidosa e um simulacro.

Ainda durante as investigações, os policiais descobriram que Luã Lima também se apresentava como Edmar de Lima Pereira, no Estado do Amazonas.

Agora, os policiais pedem ajuda para localizar e prender Luã, que é considerado foragido da justiça. Qualquer informação sobre o paradeiro dele pode ser repassada pelo disk denúncia 197 da Polícia Civil. Não precisa se identificar.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions