Rondoniagora.com

Rondônia, 30 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Polícia

Servidores da Caerd paralisam atividades e cobram discussão sobre acordo coletivo e recomposição de perdas

Terça-feira, 21 Junho de 2016 - 16:41 | Da Redacao


Os servidores da Companhia de Águas de Esgotos de Rondônia (Caerd) estão paralisados desde o início da manhã desta terça-feira (21) para reivindicar a discussão sobre o acordo coletivo e a recomposição de perdas salariais da categoria. De acordo com o Sindicato dos Urbanitários (Sindur), o movimento paredista é de apenas um dia para que a direção da empresa volte à mesa de negociações com a categoria. A classe reivindica readequação salarial de 9,82% relativo a perdas de anos anteriores.

O grupo está reunido em frente a sede central da Caerd, com caminhões, faixas e ônibus. Roberto Leite, secretário de finanças do Sindur, explica que além da busca pelo diálogo, ainda são contra a possível privatização da entidade. “Estamos buscando o diálogo com a empresa que não quer discutir o acordo coletivo de trabalho e nem a recomposição de perdas salariais que tivemos para trás. Somos contra a privatização porque hoje entendemos que o melhor é uma empresa pública, porque os recursos como são vultuosos para saneamento, dificilmente a iniciativa privada faria esses aportes de milhões para ter um retorno”, esclarece Leite.

Ainda de acordo com o sindicato, o acordo coletivo trata de garantias de direitos já conquistados pelos trabalhadores. “A gente está buscando através da paralisação, que haja o entendimento para retomarmos as negociações. O percentual é de 9,82% para toda a categoria”, afirma o diretor financeiro do Sindur.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News