Rondoniagora.com

Rondônia, 03 de Outubro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Política

Encontro de prefeitos promovido pelo governo busca soluções para demandas comuns

Quarta-feira, 08 Fevereiro de 2017 - 15:08 | da Assessoria


Encontro de prefeitos promovido pelo governo busca soluções para demandas comuns

Com um auditório lotado com 46 prefeitos e 10 vices de todas as regiões de Rondônia o Encontro (workshop) sobre Governança para o Desenvolvimento, aberto em Porto Velho nesta quarta-feira (8), uniu o útil ao agradável, a convergência das demandas municipais, comuns a todos os gestores, com a resposta do Governo de Rondônia, em defesa de uma política pública de caráter continuado, que enfrente e dê solução para todas as demandas.

Considerado o principal desafio das novas gestões, a saúde pública não deveria ser motivo de embate ou de uma discussão mais ampliada, eis que a política do Estado para o setor chega a ser paternalista. Segundo o secretário de Estado da Saúde (Sesau), Williames Pimentel, a responsabilidade do Estado foi ampliada de tal forma que a maioria dos municípios atualmente pouco realizam além da prestação dos serviços da atenção básica. Ele disse que são poucos os municípios que realizam os serviços de média e alta complexidade, o que tem sido feito em grande escala pelo Estado, com milhares de internações e procedimentos cirúrgicos, que muitos municípios deveriam fazer para não sobrecarregar as estruturas de saúde do Estado.

A intensão do Governo de Rondônia em reunir todos os gestores num mesmo lugar, visa estimular o compartilhamento de soluções duradoras para os problemas das gestões, e como bem disse o governador Confúcio Moura “estamos aqui para encontrar soluções para os problemas comuns dos municípios”. Para ele, os prefeitos precisam levantar a cabeça, trabalhar muito e mostrar que o Brasil tem jeito, numa alusão ao ambiente de crise que compromete a economia do País e de seus entes estaduais e municipais, chegando a citar a escalada da violência no Espírito Santo, como resultado da crise que é geral.

Considerado o principal desafio das novas gestões, a saúde pública não deveria ser motivo de embate ou de uma discussão mais ampliada, eis que a política do Estado para o setor chega a ser paternalista. Segundo o secretário de Estado da Saúde (Sesau), Williames Pimentel, a responsabilidade do Estado foi ampliada de tal forma que a maioria dos municípios atualmente pouco realizam além da prestação dos serviços da atenção básica. Ele disse que são poucos os municípios que realizam os serviços de média e alta complexidade, o que tem sido feito em grande escala pelo Estado, com milhares de internações e procedimentos cirúrgicos, que muitos municípios deveriam fazer para não sobrecarregar as estruturas de saúde do Estado.

Além da Sesau, os prefeitos e vices presentes no encontro de Porto Velho contaram também neste primeiro dia com autoridades e técnicos da Secretaria da Agricultura (Seagri), Empresa de Assistência Técnica de Rondônia (Emater), Agência de Defesa Sanitária (Idaron), Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e Superintendência de Desenvolvimento do Estado (Suder), com suporte para atender a todos.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News