Rondoniagora.com

Rondônia, 04 de Outubro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Política

Ex-secretário nega ataques a Hildon e Expedito e vê circo armado para prejudicar prefeito e o vice

Quinta-feira, 12 Janeiro de 2017 - 19:05 | da Redação


Ex-secretário nega ataques a Hildon e Expedito e vê circo armado para prejudicar prefeito e o vice

Em entrevista exclusiva ao RONDONIAGORA na tarde desta quinta-feira (12), o ex-secretário de Administração da Prefeitura de Porto Velho, Hélio Fabrício de Faria Lima negou veementemente que tenha realizado quaisquer ataques ou comentários maldosos contra o prefeito Hildon Chaves (PSDB) ou ao ex-senador Expedito Júnior (PSDB), conforme publicado ao longo dos dias em um site de um ex-vereador da Capital. Hélio Fabrício afirmou que tudo não passa de mentira para desestabilizar o relacionamento do prefeito com o vice, Edgar Tonial (PSDC), o “Edgar do Boi”. “Eu fui indicação do PSDC, partido do vice, e isso que ele está fazendo é para tentar desestruturar a relação dos dois. Pura especulação para tentar saber o real motivo da minha saída do Governo municipal. Nunca troquei uma só palavra com o dono desse site, o Fogaça”, diz o ex-secretário.

Na matéria publicada pelo site insinua que Hélio teria dito que a equipe do PSDB queria que continuasse com a velha política, e que ele não concordou. Faz ainda acusações diretas contra o ex-senador Expedito Júnior.

Hélio desmente o site, afirmando que Expedito não tem nada a ver com sua saída, e que nem aparecia lá enquanto esteve à frente da pasta. “Eu fui um dos responsáveis pela execução da reforma administrativa, mas na hora da aplicação, tivemos uma incompatibilidade com a forma de trabalhar, e o prefeito achou por bem me tirar do cargo. Para falar a verdade, nem eu sei ao certo o motivo. Mas meu respeito continua com relação ao prefeito, embora não tenha mais a mesma ligação de amizade”.

O ex-secretário diz ainda que vai procurar meios legais para agir contra o proprietário do site, o ex-vereador Everaldo Fogaça. “Nem sei se dá para falar em Justiça, porque esse cara já responde dezenas de processos...Vou pensar no que fazer. Não é a primeira vez que ele tanta me prejudicar. Durante a transição ele já publicou que eu fui intimado pelo Tribunal de Contas, mas não falou o real motivo. Qual é o ordenador de despesas que nunca foi intimado a prestar esclarecimentos? Eu fui, fiz minha defesa, e fui aprovado e liberado”.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News