Rondônia, quinta-feira, 24 de junho de 2021
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Terça, 11 de Maio de 2021 - 14h22

Ismael Crispin pede atuação preventiva da PM para evitar invasões de propriedades privadas

da Assessoria


Ismael Crispin pede atuação preventiva da PM para evitar invasões de propriedades privadas

Na manhã desta terça-feira (11), durante a Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, o deputado Ismael Crispin (PSB) ressaltou ao comandante da Polícia Militar de Rondônia, coronel PM Alexandre Luís de Freitas Almeida, a importância de ações preventivas para evitar as invasões de propriedades privadas por integrantes de facções.

“Precisamos trabalhar dentro da prevenção e não da reintegração de posse. Não podemos ficar esperando que essas ondas de invasões a propriedades rurais de Rondônia ganhem força e proporções maiores, ou até incontroláveis como aconteceu no massacre de Corumbiara que resultou na morte de 12 pessoas”, disse.

Em resposta ao questionamento do deputado Ismael Crispin, o coronel Alexandre Luís de Freitas Almeida, destacou que a PM tem a responsabilidade de patrulhar 237 mil km² com efetivo de 5.233 homens. “Visando evitar o crime de invasão realizamos as patrulhas “Paz no Campo”, onde cada regional faz o patrulhamento preventivo do local. Em caso de invasão é atuado o flagrante de invasão, que nas mais diversas vezes vem acompanhada de outros crimes também. Quando temos a informação que a terra está por ser invadida e já existe um Interdito Proibitório, fazemos um policiamento preventivo”, esclarece.

Conforme o comandante da PM, hoje os conflitos agrários ocorridos em Rondônia têm como principal impulsionador, grupos criminosos que buscam por terras produtivas. “Eles encontram no agronegócio, uma alavanca de publicidade. Somando a esse fato, acrescentamos a grilagem de terras públicas protegidas”, disse.

Segundo dados da PM, em Rondônia, existem 91 áreas de conflitos, envolvendo 4.317 famílias em 31 municípios, representando 60% do total dos municípios do Estado, aqueles com maior número de áreas em disputa são Ariquemes, Cujubim, Machadinho D’Oeste, Mirante da Serra, Porto Velho e Vilhena. “As disputas por terras ocorridas no campo em Rondônia se configuram em uma área de conflitos armados, resultando consequentemente na violência contra a pessoa e a propriedade particular produtiva”, pontua o comandante da PM.

De acordo com o secretário de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania de Rondônia (Sesdec), José Hélio Cysneiros Pachá, estão sendo feitos investimentos específicos para incrementar o patrulhamento rural. “Temos problemas de efetivos e estruturais, mas aos poucos estamos melhorando. Os policiais estão sendo cuidadosos em registrar em imagens para mostrar a lisura e o profissionalismo das ações”, ressaltou.

Por fim, como presidente da Comissão de Segurança Pública, o deputado Ismael Crispin destacou que a população cobra uma resposta e que os deputados estão empenhados e preocupados com essa situação. “Na próxima semana, vamos receber o diretor geral da Polícia Civil para verificar as ações que estão sendo tomadas e na medida do possível faremos os encaminhamentos necessários para solucionar esse problema”, finalizou.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions