Rondônia, quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Quarta, 09 de Dezembro de 2009 - 15h55

Moreira defende fortalecimento da área de livre comércio de Guajará

Câmara


Em debate na Comissão da Amazônia sobre a viabilidade econômica e social das áreas de livre comércio e zonas de processamento e exportação na região Amazônica, o deputado federal Moreira Mendes (PPS-RO) saiu em defesa da área de livre comércio de Guajará-Mirim, em Rondônia. Ele criticou o descaso do governo federal em relação ao município e cobrou uma solução urgente para o problema. Considerado área de livre comércio desde 1991, Guajará-Mirim enfrenta sérias dificuldades, principalmente em razão do desemprego, relatou Moreira Mendes. A situação, segundo ele, seria bem diferente se o projeto do governo tivesse saído do papel. “Soube pelo prefeito (Atalíbio Pegorini) que cerca de 35% da população economicamente ativa de Guajará-Mirim está desempregada. Isso é muito ruim para a cidade e para população. A área de livre comércio precisa se tornar realidade, como é realidade a de Macapá. Por que as coisas funcionam no Amapá e em Rondônia não? Não estamos no mesmo Brasil? Não é a mesma lei, a mesma Receita Federal? Ou são dois pesos e duas medidas?”, questionou.

Moreira Mendes ressaltou que Guajará-Mirim é uma cidade de grande importância no estado de Rondônia, que teve papel preponderante nos tempos do território do Guaporé e no auge da estrada de ferro Madeira-Mamoré. “A cidade não pode ser abandonada do jeito que está. Não por culpa das autoridades locais – é bom que se diga -, mas por omissão do governo federal, principalmente no que se refere à área de livre comércio”, completou.

Falando em nome dos rondonienses, especialmente dos moradores de Guajará-Mirim, o deputado resumiu: “O que queremos é que o governo federal trate a área de livre comércio de Guajará-Mirim assim como trata todas as outras. O governo precisa fortalecer, através da Suframa (Superintendência da Zona Franca de Manaus), a área de livre comércio e colocá-la para funcionar em todos os seus termos”, apontou.

Debate

O debate na Comissão da Amazônia e Integração Nacional contou com a participação do secretário de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Welber Barral, do diretor do Departamento de Gestão dos Fundos de Desenvolvimento Regional do Ministério da Integração Nacional, Antonio Albuquerque, do prefeito de Guajará-Mirim, Atalíbio José Pegorini, e do diretor de Comunicações da Associação Comercial, Industrial e Serviços daquele município, Cícero Noronha Filho.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions