Rondônia, quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Quarta, 22 de Outubro de 2014 - 13h04

Presidente da Câmara e Nazif em rota de colisão

RONDONIAGORA


Presidente da Câmara e Nazif em rota de colisão
Está cada vez mais evidente o atrito entre o presidente da Câmara Municipal de Porto Velho, vereador Alan Queiroz (PSDB), e o prefeito Mauro Nazif (PSB) que começam a trocar farpas que estremecem o relacionamento entre o Legislativo e o Executivo. O vereador chegou a declarar que o prefeito é um péssimo gestor e colocou em dúvidas a credibilidade da administração municipal. Mauro se defende afirmando que o vereador tem interesses pessoais, como ser candidato a prefeito nas próximas eleições.Mauro disparou contra o presidente da Câmara na manhã desta quarta-feira, durante coletiva com a imprensa convocada para se pronunciar contra as acusações que resultaram na criação de uma Comissão Especial da Câmara que tem até a próxima semana para apresentar um parecer acatando ou não as denúncias. Se o parecer for contra o prefeito, o Legislativo Municipal deverá criar uma Comissão Processante que poderá resultar no impeachment do prefeito.

Durante a coletiva, o prefeito se defendeu das oito acusações que constam no documento protocolado na Câmara, dentre elas a suposta manobra para a contratação de uma empresa para o serviço de coleta de lixo na Capital. Pelo contrato emergencial, a empresa Lara Central de Tratamento de Resíduos Ltda iria receber R$ 14.196.400,32 (quatorze milhões, cento e noventa e seis mil, quatrocentos reais e trinta e dois centavos) pelo serviço.

Mauro ressaltou que o contrato foi suspenso antes da Câmara se pronunciar sobre o fato e disparou a preocupação para que “o fato não seja uma ação política para influenciar nas eleições”, pelo fato de ser fiel defensor do atual governador Confúcio Moura.

O prefeito ressaltou que todas as acusações não procedem principalmente quanto a um suposto contrato de hora máquina. “E importante que as acusações sejam investigadas, mas que não se misturem com o processo eleitoral. Não existe hora máquina na atual gestão”, sintetizou.

Na noite de terça-feira, ao participar de um programa de uma emissora de televisão, o presidente da Câmara, Alan Queiroz, disparou contra o prefeito, ressaltando que o Legislativo terá mais uma chance iniciar um processo de impeachment do prefeito. Alan criticou as outas duas vezes anteriores que a Câmara não acatou denúncias contra o prefeito. Segundo ele, as denúncias deveriam ser no mínimo investigadas.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions