Rondônia, 08 de Dezembro de 2022
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Política

PRESOS EM OPERAÇÕES DA PF TÊM LIGAÇÃO COM O CASAL MARINHA / VALDIR RAUPP

Terça-feira, 29 Junho de 2010 - 17:55 | RONDONIAGORA


PRESOS EM OPERAÇÕES DA PF TÊM LIGAÇÃO COM O CASAL MARINHA / VALDIR RAUPP
Pelo menos duas autoridades presas em operações da Polícia Federal em Rondônia por suspeitas de desvio de recursos públicos são ligadas ao senador Valdir Raupp e à deputada federal Marinha Raupp, ambos do PMDB.



Em abril deste ano a PF prendeu o ex-diretor administrativo da Funasa, Williames Pimentel de Oliveira, na “Operação Hygeia”, desenvolvida em parceria com a Secretaria Federal de Controle Interno da Controladoria Geral da União para apurar crimes de formação de quadrilha, estelionato, fraude em licitações, apropriação indébita, lavagem de dinheiro, peculato, corrupção ativa e passiva, prevaricação, dentre outros, praticados em detrimento de Órgãos Públicos Federais e Municípios do interior do Estado.

Na última semana a Polícia Federal prendeu o atual coordenador regional da Funasa em Rondônia, Josafá Piauhy Marreiro durante a realização da “Operação Borduna”, que apura corrupção em recursos do Ministério da Saúde no Estado.

A primeira operação apura o desvio de mais de R$ 200 milhões através de três núcleos criminosos distintos e independentes - hierarquicamente estruturados - voltados ao desvio e apropriação de recursos públicos federais.

Já na segunda operação, que investiga o repasse de mais de R$ 23 milhões os recursos liberados pelo Ministério da Saúde para investimento na saúde indígena supostamente acabavam na Associação de Deficientes Físicos da Amazônia Legal – ASDEFAL, com sede em Ji-Paraná.

Coincidência ou não, Williames Pimentel, que hoje ocupa a secretaria municipal de Saúde de Porto Velho (indicado pelo PMDB), e Josafá Marreiro, ocuparam os cargos na Funasa por indicação do PMDB, cujo líder maior em Rondônia é o senador Valdir Raupp.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também