Rondônia, 07 de Dezembro de 2022
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Política

Raupp ressalta importância de hidrelétrica no Rio Madeira

Quinta-feira, 19 Junho de 2008 - 11:03 | Senado Federal


O senador Valdir Raupp (PMDB-RO) registrou nesta quarta-feira a importância com que vê a assinatura do contrato de concessão para a primeira grande geradora hidrelétrica a ser construída na calha do Rio Madeira, em território rondoniense: a Usina de Santo Antônio. O contrato foi assinado no dia 12 de junho pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.



O senador observou ainda que o impacto econômico-social dos contratos é maior do que parece, já que o valor dos investimentos requeridos pela obra é de cerca de R$ 9,5 bilhões. Parcela significativa será realizada em território nacional, na compra de bens e de serviços.

Raupp esclareceu que essa quantidade de energia - segundo os técnicos do setor - equivale praticamente ao montante de megawatts que o Brasil tem de acrescentar ao seu sistema energético, anualmente, para sustentar o aumento previsto na demanda e as exigências do desenvolvimento econômico.

O senador observou ainda que o impacto econômico-social dos contratos é maior do que parece, já que o valor dos investimentos requeridos pela obra é de cerca de R$ 9,5 bilhões. Parcela significativa será realizada em território nacional, na compra de bens e de serviços.

O parlamentar informou que o leilão de Santo Antônio, o primeiro realizado sob o novo modelo de licitação adotado pelo governo federal, foi muito bem-sucedido. O preço do lance vencedor, R$ 78,87 por megawatt-hora, representou um deságio de 35% sobre o preço-base, definido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em R$ 122,00.

- Esse deságio representa redução do "custo Brasil" e melhoria da competitividade de nossa economia. Também representa o barateamento da conta de energia que pagam o cidadão comum, o trabalhador autônomo e o dono do pequeno e do médio empreendimento - explicou o senador.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também