Rondônia, 28 de Novembro de 2022
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Cidades

Servidores sofrem com pagamentos atrasados novamente

Terça-feira, 05 Abril de 2016 - 12:21 | Da Redacao


Os servidores da Secretaria de Saúde em Vilhena vivem novamente drama do atraso no pagamento dos salários. Boa parte do funcionalismo das demais secretarias já recebeu os vencimentos referentes ao mês março.

De acordo com Prefeitura o pagamento foi liberado na sexta-feira, menos para os servidores da saúde, que sempre recebem por último.

No mês de março o funcionalismo deflagrou greve, em uma luta por melhorias no salário, melhores condições de trabalho e principalmente pagamento efetuado até quinto dia útil.

A queda de braço terminou no dia 22 de março, com fim da greve dos servidores da educação. Os funcionários da saúde haviam voltado dias antes, porque boa parte das reivindicações foram atendidas.

A principal reclamação dos servidores era o atraso no pagamento dos funcionários da saúde, que sempre são os últimos a receberam. Conforme informado durante a greve, alguns servidores vieram a receber apenas no dia 18 março.

Segundo o secretário municipal de saúde, Adilson Bernardinho Rodrigues, não há previsão para o pagamento dos salários da saúde, pois depende do repasse da Secretária de Fazenda.

O RONDONIAGORA conversou com o secretário de Fazenda, Marcos Zola. Ele explicou que o repasse do governo federal cai direto na conta da saúde e não é culpa da Semfaz a falta de pagamento do funcionalismo.

A diretoria do Sindsul declarou que vai acompanhar de perto a data que será realizado o pagamento. “Sabemos que legalmente tem que ser pago até o 5º dia útil, isso não tem acontecido há muitos meses. Vamos fazer contato urgente com o secretário de saúde e pedir uma explicação”, afirmou.

O prefeito José Rover (PP), anunciou ao Sindicato durante período de greve que tentaria pagar os servidores no dia 10 de cada mês.

Alguns servidores que não quiseram se identificar, disseram que estão vivendo dias realmente de crise. “Não podemos mais comprar nada, porque nunca sabemos quando iremos receber e pior quando iremos pagar. Às vezes passamos constrangimentos no comércio local, quando dizemos que ainda não recebemos, sendo que outros servidores municipais já receberam antes de nós. Os juros e os nossos credores não aceitam desculpas”, declararam alguns servidores da saúde.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também