Rondônia, terça-feira, 20 de outubro de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Terça, 25 de Agosto de 2009 - 13h42

Obras de viadutos de Porto Velho são intensificadas na BR-364

Walbran Júnior


Obras de viadutos de Porto Velho são intensificadas na BR-364
As obras dos viadutos, passagens de nível, uma trincheira (passagem subterrânea) e das vias marginais ao longo da BR-364, no trecho que vai da Faro à estrada do Areia Branca, numa extensão de dez quilômetros, estão sendo intensificadas a partir desta semana. Na manhã desta terça-feira (25), o prefeito Roberto Sobrinho esteve no canteiro de obras do primeiro viaduto, no cruzamento da 364 com a avenida Jatuarana e no Trevo do Roque, onde serão erguidos dois dos principais viadutos.

Ao todo, serão feitas dez intervenções nos cruzamentos da BR-364 com a avenida Jatuarana, no Trevo do Roque, na rua Três e Meio, na Campos Sales e na Prudente de Moraes. De acordo com o prefeito, serão investidos R$ 90 milhões de recursos do Ministério dos Transportes, com contrapartida da prefeitura. A obra faz parte do pacote do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o que garante que não faltarão recursos para sua execução.

De acordo com Roberto Sobrinho, os viadutos serão muito importantes “para separar o tráfego urbano do intermunicipal, o que vai organizar melhor o fluxo do trânsito dentro da cidade, mas, principalmente, para reduzir o número de acidentes com vítimas fatais, em locais conhecidos como cruzamentos da morte”.

O engenheiro responsável pelas obras, Márcio Nardelli, disse que adotou o turno duplo, com turmas que trabalham de dia e de noite, para cumprir o cronograma, que prevê a entrega da obra completa em novembro de 2010.

Desvio

A construtora Camter, executora da obra, já começou a distribuir panfletos, orientando a população sobre os desvios na região da avenida Jaturana, vez que o tráfego pela BR-364 será interditado nas imediações a partir do início de setembro. Além da panfletagem pela empreiteira, a prefeitura fará uma campanha institucional orientando sobre as rotas alternativas.

Transtornos

Se numa ponta as obras vão trazer transtorno à população, com o fechamento de ruas, na outra está provocando transtornos mais sérios ainda ao próprio poder público. A Ceron, por exemplo, terá que mudar todo o posteamento ao longo da BR-364, por onde passarem as vias marginais. O problema maior, entretanto, está localizado na altura do Trevo do Roque, onde terão de ser removidas três grandes torres que sustentam a rede que abastece de energia o Acre. Só está operação deverá custar cerca de R$ 6 milhões. Acrescida da mudança de posteamento em todo o trecho, deverão ser gastos algo em torno de R$ 10 milhões, mais de 10% de toda a obra.

No Trevo do Roque, onde será erguido o maior dos viadutos, precisarão ser removidos também o relógio comemorativo aos 500 anos do Descobrimento do Brasil, desenhado pelo designer austríaco Hans Donner para a Rede Globo, e o monumento em homenagem aos Pioneiros, além da retirada da iluminação pública e de árvores. O prefeito Roberto Sobrinho orientou o secretário municipal de Serviçpos Básicos, Jair Ramires para que as árvores não sejam derrubadas, e sim, retiradas e replantas na avenida Jorge Teixeira. Além disso, para cada árvore retirada, serão plantadas outras três em outros pontos da cidade.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions