Rondônia, terça-feira, 2 de junho de 2020
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Segunda, 07 de Março de 2011 - 09h42

Prejuízos gigantescos para a Caerd em poucos dias de intervenção da Prefeitura

Antonio Carlos Alberti


Na manhã deste domingo, às 10 horas, a gerência regional da Caerd, acompanhada de advogados da empresa, funcionários e de um oficial de justiça do fórum da Comarca de Ariquemes fez a reintegração de posse das instalações da empresa e a sua operação.

O desembargador do Tribunal de Justiça de Rondônia, Eliseu Fernandes, entendeu que “à convicção provisória de dano iminente a concessionária que sequer conhecia a intenção do ente público de retirar-lhe a concessão, sobremodo depois de haverem sido o Estado de Rondônia e o Município agravado contemplados com recursos do PAC” ....... “o ato agravado, já se nota indício de violação de direito, se não há, em princípio, motivação à quebra da concessão dos serviços”, e assim deliberou pela reintegração imediata da posse.

A reintegração demorou cerca de 4 (quatro) horas, uma vez que funcionários da Saneari e da Prefeitura que estavam nas Caerd, não queriam sair, mas a ação firme do oficial de justiça resultou no cumprimento da decisão.

Água sem padrão

Após a reintegração, funcionários da Caerd retornaram ao trabalho e averiguaram que requisitos mínios para a qualidade da água não estavam sendo obedecidos. Na estação de poços artesianos da Caerd na unidade central, a água analisada no local, inclusive com o acompanhamento de representantes da Saneari, estava fora dos padrões, sem cloro e flúor disponível.

Na estação de captação de água e tratamento no bairro Marechal Rondon, se serve de água do Rio Jamari, a qualidade estava totalmente fora dos padrões e tolerância, pois apresentava alto índice de turbides (suja) e era essa água que estava sendo enviada para a cidade.

O que se viu foi uma total falta de responsabilidade da prefeitura, da Saneari e da empresa terceirizada na operação do sistema, pois nenhum dos funcionários estava capacitado para operar especificamente as instalações, equipamentos e os sistemas da Caerd, pois conforme se constatou, não houve nenhum treinamento.

Ao receber as unidades a equipe da Caerd, constatou que alguns locais e obras foram arrombadas, e equipamentos foram danificados (ex. quadro de comando dos motores da nova estação de bombeamento do Park Tropical), obra que ainda está em fase de conclusão e ainda sob responsabilidade da construtora, causando prejuízos também a esta empresa.

Prejuízos incalculáveis também foram deixados na área administrativa e comercial da Caerd, na unidade central localizada no setor institucional da cidade, onde o cadastro impresso dos clientes/consumidores dos serviços da Caerd (mais de doze mil) que estavam em mais de 12 (doze) arquivos de aço de quatro gavetas, simplesmente desapareceram ou foram levados pelos funcionários da Prefeitura e da Saneari.

Também, prejuízo de grande monta e violação, aconteceu nos computadores da empresa, quebrando seu sigilo comercial e administrativo, perdendo seus registros e trazendo sérios problemas para empresa. Todos os HDs foram copiados, sendo que alguns computadores tiveram seus HDs retirados. Outros foram apagados os dados e implantados sistemas da Saneari, com senhas bloqueando seu acesso.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions