Rondoniagora.com

Rondônia, 02 de Outubro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Geral

Rondônia inserida no sistema ferroviário nacional

Sexta-feira, 15 Agosto de 2008 - 11:29 | RONDONIAGORA.COM


O estado de Rondônia foi incluído no sistema ferroviário nacional graças a ação política desenvolvida pelo senador Valdir Raupp e pela deputada federal Marinha Raupp, durante a apreciação e votação da Medida Provisória 427/, no Congresso Nacional. O projeto foi aprovado esta semana pelo Senado Federal e transformou em empresa pública a Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A.

“Todos sabemos que, hoje, um dos grandes gargalos que dificultam o crescimento das Regiões Norte e Centro-Oeste é a questão do escoamento da soja, que aumenta muito os custos de transporte, gerando prejuízos para o produtor e para o Brasil, que perde competitividade externa”, ressaltou o líder do PMDB no Senado Federal.

Ao se referir aos municípios rondonienses contemplados no projeto, o senador Raupp destacou que a ferrovia permitirá o escoamento da soja produzida em Rondônia diretamente para o Oceano Pacífico, de onde chegará ao mercado chinês sem precisar fazer uma verdadeira circunavegação da América do Sul.

“Todos sabemos que, hoje, um dos grandes gargalos que dificultam o crescimento das Regiões Norte e Centro-Oeste é a questão do escoamento da soja, que aumenta muito os custos de transporte, gerando prejuízos para o produtor e para o Brasil, que perde competitividade externa”, ressaltou o líder do PMDB no Senado Federal.

A inclusão dos municípios de Vilhena e Porto Velho no sistema ferroviário bioceânico somente foi possível graças a ação da deputada federal Marinha Raupp (PMDB-RO), que solicitou ao deputado Jaime Martins – relator da MP 427, na Câmara dos Deputados, que os trechos entre essas duas cidades fossem contemplados com os trilhos da ligação ferroviária.

No ofício, datado de 25 de junho de 2008, a deputada justificou a importância da inclusão dessas duas cidades rondonienses para a economia do estado, explicando que “esse fato vai trazer grandes benefícios para a região como a integração dos povos latino-americanos”. Para Marinha, esses trechos ferroviários vão se constituir em um novo corredor de transporte e propiciará real acessibilidade aos produtores de Rondônia e região aos mercados consumidores tanto do Brasil como de países sul-americanos.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News