Rondônia, 07 de Dezembro de 2022
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Polícia

Após fugir escalando telhado e muro, presidiária se entrega a pedido da mãe e volta à Casa de Detenção

Sexta-feira, 09 Dezembro de 2016 - 10:41 | da Redação


Após fugir escalando telhado e muro, presidiária se entrega a pedido da mãe e volta à Casa de Detenção

A presidiária Luana Braz da Silva, 20 anos, que escalou telhado e muro da frente da Casa de Detenção de Ouro Preto do Oeste para fugir se arrependeu e voltou ao presídio na madrugada de quinta-feira (8). A informação foi confirmada nesta sexta-feira (9).



O crime
Luana foi presa no dia 17 de maio de 2015, acusada do assassinato da usuária de drogas Diuli Rodrigues de Oliveira. Um mês depois, seu ex-namorado Diego Pereira também foi preso sob a acusação de participar do homicídio. Diuli foi encontrada de bruços envolta a uma poça de sangue e ao seu lado havia um isqueiro, uma lata para uso de crack e a quantia de R$ 7,00. Ela teria sido atraída por Luana a uma casa em construção para consumirem crack e lá foi morta com golpes de um pedaço de caibro na cabeça e nas costas. Ao ser presa, Luana alegou vingança, mas depois mudou a versão.
Para fugir, Luana escalou telhado, passou pela lateral da administração e depois desceu por um muro alto na frente da unidade prisional. O advogado e os policiais relataram que ela chegou à casa da mãe em estado deplorável, com a roupa bastante suja.

O crime
Luana foi presa no dia 17 de maio de 2015, acusada do assassinato da usuária de drogas Diuli Rodrigues de Oliveira. Um mês depois, seu ex-namorado Diego Pereira também foi preso sob a acusação de participar do homicídio. Diuli foi encontrada de bruços envolta a uma poça de sangue e ao seu lado havia um isqueiro, uma lata para uso de crack e a quantia de R$ 7,00. Ela teria sido atraída por Luana a uma casa em construção para consumirem crack e lá foi morta com golpes de um pedaço de caibro na cabeça e nas costas. Ao ser presa, Luana alegou vingança, mas depois mudou a versão.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também